Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Metrics


Metrics:

Alguns preceitos da invenção e elocução metafóricas de emblemas e empresas (2013)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: HANSEN, JOAO ADOLFO - FFLCH
  • USP Schools: FFLCH
  • DOI: 10.4067/S0718-22952013000300003
  • Subjects: IDADE MÉDIA; SÍMBOLO; EPIGRAMA
  • Language: Português
  • Abstract: O texto trata de dois gêneros mortos, emblema e empresa, especificando os preceitos da invenção do corpo (a imagem) e da alma (o discurso) de ambos que são legíveis em obras de Andrea Alciato, Horapolo, Valeriano, Francesco Colonna, Paolo Giovio, Emanuele Tesauro e, principalmente, no "Prólogo" de Iconología, de Cesare Ripa. Os tratadistas opõem seus gêneros, considerando que são os usos que determinam sua diferença. O emblema sempre é definido como figuração de noções de validade coletiva. Quanto à empresa, figura um propósito heróico particular. No emblema, o mote que encima a alma e o corpo indica que é documento moral de sentido deliberativo ou aconselhamento da ação futura. O emblema também figura casos heróicos, ajuizando-os judicialmente e louvando-os epiditicamente como ações exemplares a serem imitadas por todos. Quanto à empresa, seu uso é individual e aristocrático, devendo ser aguda e equívoca, com a brevidade que obscurece a qualidade do que é figurado. Logo, o emblema sem imagens pintadas permanece emblema, bastando a alma (discurso) para representar publicamente o que se pretende figurar (como ocorre na primeira edição de Emblemata, de Alciato), enquanto a empresa nunca pode dispensar a imagem, pois sem ela o mote fica sem argumento de semelhança
  • Imprenta:
  • Source:
  • Acesso online ao documento

    Online accessDOI or search this record in
    Informações sobre o DOI: 10.4067/S0718-22952013000300003 (Fonte: oaDOI API)
    • Este periódico é de acesso aberto
    • Este artigo é de acesso aberto
    • URL de acesso aberto
    • Cor do Acesso Aberto: gold
    • Licença: cc-by-nc
    Versões disponíveis em Acesso Aberto do: 10.4067/S0718-22952013000300003 (Fonte: Unpaywall API)

    Título do periódico: Revista chilena de literatura

    ISSN: 0718-2295

    • Melhor URL em Acesso Aberto:


    • Outras alternativas de URLs em Acesso Aberto:


        • Página do artigo
        • Evidência: oa journal (via doaj)
        • Licença: cc-by-nc-nd
        • Versão: publishedVersion
        • Tipo de hospedagem: publisher


    Informações sobre o Citescore
  • Título: Revista Chilena de Literatura

    ISSN: 0048-7651

    Citescore - 2017: 0.08

    SJR - 2017: 0.16

    SNIP - 2017: 0.48


  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FFLCH2511701-10Disponível apenas online
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      HANSEN, João Adolfo. Alguns preceitos da invenção e elocução metafóricas de emblemas e empresas. Revista chilena de literatura, Santiago, v. no 2013, n. 85, p. 43-73, 2013. Disponível em: < http://dx.doi.org/10.4067/S0718-22952013000300003 > DOI: 10.4067/S0718-22952013000300003.
    • APA

      Hansen, J. A. (2013). Alguns preceitos da invenção e elocução metafóricas de emblemas e empresas. Revista chilena de literatura, no 2013( 85), 43-73. doi:10.4067/S0718-22952013000300003
    • NLM

      Hansen JA. Alguns preceitos da invenção e elocução metafóricas de emblemas e empresas [Internet]. Revista chilena de literatura. 2013 ; no 2013( 85): 43-73.Available from: http://dx.doi.org/10.4067/S0718-22952013000300003
    • Vancouver

      Hansen JA. Alguns preceitos da invenção e elocução metafóricas de emblemas e empresas [Internet]. Revista chilena de literatura. 2013 ; no 2013( 85): 43-73.Available from: http://dx.doi.org/10.4067/S0718-22952013000300003