Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Estudo das proteínas 14-3-3A e 14-3-3D de Nicotiana tabacum L. e seu papel no desenvolvimento floral (2014)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: BERTOLINO, LÍGIA TEREZA - FMRP
  • USP Schools: FMRP
  • Subjects: FUMO; PLANTAS ESTIMULANTES; PROTEÍNAS DE PLANTAS; CICLO CELULAR; FLORES (DESENVOLVIMENTO)
  • Keywords: 14-3-3 family; Desenvolvimento; Development; Família 14-3-3; Flor; Flower; Modulação de tamanho; SCI1; Size modulation
  • Language: Português
  • Abstract: A modulação da forma e tamanho em órgãos vegetais depende do controle temporal e espacial de divisão e expansão celular. Entretanto, pouco se sabe a respeito dos mecanismos moleculares que regulam este processo durante o desenvolvimento floral. O estudo da via de sinalização de SCI1 (Stigma/style Cell Cycle Inhibitor 1) pode contribuir para o entendimento do processo de crescimento das flores. Este gene produz uma proteína, localizada no nucléolo, que está relacionada à inibição da proliferação celular no estigma e no estilete de Nicotiana tabacum, modulando o tamanho destes órgãos florais. Experimentos feitos para a identificação de parceiros de interação de SCI1 identificaram as proteínas 14-3-3A e 14-3-3D de N. tabacum como candidatas à interação. A família 14-3-3 é composta de proteínas altamente conservadas, que formam dímeros em sua conformação nativa e são responsáveis pela modulação da atividade das mais variadas proteínas em resposta a sinais intracelulares. Por isso, estas proteínas estão associadas à regulação de uma série de processos, incluindo o metabolismo, transcrição, ciclo celular, entre outros. Neste contexto, o presente trabalho teve como objetivo estudar as proteínas 14-3-3A e 14-3-3D de N. tabacum e o seu papel durante o desenvolvimento floral. Os resultados aqui obtidos revelaram que a 14-3-3A possui localização citoplasmática e nuclear, enquanto a 14-3-3D se distribui apenas no citoplasma. Também foi evidenciado que estas proteínas são capazes de formar homodímeros e heterodímeros entre si. Os homodímeros de 14-3-3A estão distribuídos no citoplasma e no núcleo, enquanto os homodímeros de 14-3-3D e heterodímeros se encontram apenas no citoplasma. Adicionalmente, a interação in vivo entre a 14-3-3A e SCI1 foi confirmada por BiFC, apresentando localização nuclear, fora do nucléolo. Análises in silico da sequência de aminoácidosde SCI1 identificaram duas regiões putativas de reconhecimento por proteínas 14-3-3s. Estas regiões estão sendo analisadas funcionalmente por meio de ensaios de BiFC com sequências mutadas de SCI1. A análise deste conjunto de resultados, juntamente com outros resultados obtidos em nosso laboratório, sugere que apenas homodímeros de 14-3-3D e heterodímeros formados entre 14-3-3A e 14-3-3D sejam capazes de interagir com SCI1. Adicionalmente, a localização nuclear dessa interação difere daquelas observadas para SCI1 e para as 14-3-3s individualmente, sugerindo que as 14-3-3s migrem para o núcleo para interagir com SCI1. Nossa hipótese é de que as proteínas 14-3-3s possam modular a localização subnuclear de SCI1. Com o objetivo de levantar dados a respeito das possíveis funções desempenhadas pelas proteínas 14-3-3A e 14-3-3D de N. tabacum, foram identificados os grupos de possíveis ortólogos dessas proteínas em A. thaliana, O. sativa, S. lycopersicum, S. tuberosum e N. benthamiana. Esta análise mostrou que os ortólogos às 14-3-3A e D em Arabidopsis estão associados ao ciclo celular, o que sugere que as proteínas de tabaco possam ter conservado essa função. Além disso, também foram produzidas plantas transgênicas silenciadas para cada uma dessas 14-3-3s de maneira independente. A análise dos fenótipos das plantas transgênicas não levou à elaboração de uma hipótese definitiva sobre a função dessas 14-3-3s no desenvolvimento floral. No entanto, algumas plantas transgênicas apresentaram estruturas menores, especialmente as pétalas, sugerindo que estas proteínas podem estar envolvidas no controle do tamanho de órgãos vegetais
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 10.04.2014
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FMRP11200066264Bertolino, Lígia Tereza
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      BERTOLINO, Lígia Tereza; GOLDMAN, Maria Helena de Souza. Estudo das proteínas 14-3-3A e 14-3-3D de Nicotiana tabacum L. e seu papel no desenvolvimento floral. 2014.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2014. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17135/tde-21052014-113419/ >.
    • APA

      Bertolino, L. T., & Goldman, M. H. de S. (2014). Estudo das proteínas 14-3-3A e 14-3-3D de Nicotiana tabacum L. e seu papel no desenvolvimento floral. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17135/tde-21052014-113419/
    • NLM

      Bertolino LT, Goldman MH de S. Estudo das proteínas 14-3-3A e 14-3-3D de Nicotiana tabacum L. e seu papel no desenvolvimento floral [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17135/tde-21052014-113419/
    • Vancouver

      Bertolino LT, Goldman MH de S. Estudo das proteínas 14-3-3A e 14-3-3D de Nicotiana tabacum L. e seu papel no desenvolvimento floral [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17135/tde-21052014-113419/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: