Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Gestão das águas subterrâneas na Bacia Hidrográfica do Alto Tietê (SP) (2014)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: CONICELLI, BRUNO PIRILO - IGC
  • USP Schools: IGC
  • Sigla do Departamento: GSA
  • Subjects: GESTÃO DAS ÁGUAS SUBTERRÂNEAS; BACIA HIDROGRÁFICA; BACIA DO ALTO TIETÊ
  • Keywords: Áreas críticas; Critical areas
  • Language: Português
  • Abstract: A disponibilidade por água direcionou e motivou o desenvolvimento das atividades e das ocupações territoriais na Bacia Hidrográfica do Alto Tietê (BAT). Nessa trajetória, a água subterrânea passou a ser uma das grandes reservas disponíveis para suprir a essa crescente demanda onde atualmente existem aproximadamente 12 mil poços fornecendo cerca de 10m³/s. Na BAT este cenário de dependência ao recurso hídrico subterrâneo se acentua, na medida em que a disponibilidade de água superficial diminui. Dessa forma, a intensa extração de água, concentrada na área urbana da bacia, tem causado rebaixamentos nos níveis dos aquíferos. A situação é agravada, pois parte da água fisicamente disponível torna-se qualitativamente indisponível por contaminações provenientes das atividades antrópicas mal operadas. Hoje na BAT são reconhecidas 2.018 áreas onde os aquíferos e os solos são contaminadas, ademais de existirem outras 53 mil atividades com potencial para gerar contaminação aos aquíferos. Nessa pesquisa foi realizado um mapeamento das áreas críticas integradas de qualidade e quantidade, onde a área da BAT foi dividida em células de 500x500m. De um total de 23.867 áreas em toda a BAT, foi possível identificar, 943 áreas de alta, 1876 áreas de média e 3120 áreas de baixa criticidade. Entretanto, essa situação é desconhecida pelos usuários dos recursos hídricos. Apesar desse cenário, a gestão das águas subterrâneas ainda é bastante incipiente na bacia. Alimitação é ainda maior, pois a identificação dos poços é difícil e os problemas, quando detectados, não são de responsabilidade de apenas um, mas de um conjunto de usuários. Assim, como em outras regiões metropolitanas do Brasil, a BAT possui uma alta densidade de poços ilegais, onde a sua explotação acarreta em um rebaixamento excessivo nos níveis dos aquíferos, reduzindo a oferta de água, diminuindo assim, a segurança hídrica da bacia. Experiências recentes na gestão das águas subterrâneas têm indicado que o gerenciamento desse recurso terá mais sucesso quanto maior for a participação do usuário, portanto a gestão da água, aplicada nesse trabalho através da integração de informações relativas ao meio físico, uso e ocupação do solo, aspectos sócios econômicos, do balanço hídrico, e os aspectos hidrogeológicos torna-se fundamental para prover o conhecimento e as ferramentas gerenciais para a tomada de decisões e conscientização dos usuários, que levarão à proteção e ao uso controlado dos recursos hídricos subterrâneos
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 11.08.2014
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    IGC30900032167T C751 BP.g e.2
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CONICELLI, Bruno Pirilo; HIRATA, Ricardo. Gestão das águas subterrâneas na Bacia Hidrográfica do Alto Tietê (SP). 2014.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2014. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44138/tde-09102014-140000/ >.
    • APA

      Conicelli, B. P., & Hirata, R. (2014). Gestão das águas subterrâneas na Bacia Hidrográfica do Alto Tietê (SP). Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44138/tde-09102014-140000/
    • NLM

      Conicelli BP, Hirata R. Gestão das águas subterrâneas na Bacia Hidrográfica do Alto Tietê (SP) [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44138/tde-09102014-140000/
    • Vancouver

      Conicelli BP, Hirata R. Gestão das águas subterrâneas na Bacia Hidrográfica do Alto Tietê (SP) [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44138/tde-09102014-140000/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: