Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Determinação não-invasiva da concentração de metabólitos de hormônios gonadais em excretas de ranfastídeos (2014)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: CHABU, DANIEL BERNARDO - FMVZ
  • USP Schools: FMVZ
  • Subjects: AVES SILVESTRES (FISIOLOGIA); AVES SILVESTRES (METABOLISMO); COMPORTAMENTO ANIMAL; HORMÔNIOS SEXUAIS; REPRODUÇÃO ANIMAL
  • Keywords: Estradiol; Oestrogen; Progesterona; Progesterone; Reprodução; Reproduction; Testosterona; Testosterone; Toucans; Tucanos
  • Language: Português
  • Abstract: Pouco se conhece acerca dos aspectos fisiológicos da reprodução de ranfastídeos, sendo estas informações importantes para sua conservação e criação em cativeiro. Métodos não-invasivos permitem análises a longo prazo e em espécies pequenas, além de facilitar estudos em vida livre e minimizar o estresse causado aos animais. Este trabalho teve por intuito a dosagem de metabólitos de testosterona (machos e fêmeas), progesterona e estradiol (somente fêmeas) nas excretas de 3 casais de tucano-toco (Ramphastos toco) e 3 casais de tucano-de-bico-verde (Ramphastos dicolorus), dentro e fora da estação reprodutiva. Dados de observações comportamentais mostraram que os animais foram mais ativos durante a estação reprodutiva, porém comportamentos sociais e proximidade entre o casal se mostraram raros nas duas fases durante as seções de observação. Concentrações de metabólitos de progesterona foram obtidos para as duas espécies na Fase Reprodutiva, mas não foram detectados nos ensaios para a Fase Não-reprodutiva. Metabólitos de testosterona puderam ser dosados em ambas as espécies, nas duas fases, tanto em machos quanto em fêmeas; sendo que os resultados mostraram para a maioria dos indivíduos concentrações maiores na Fase Reprodutiva. Aumentos acima de variações basais de metabólitos de testosterona foram associados à ocorrência de posturas, que ocorreram durante a Fase Reprodutiva numa das fêmeas de R. toco. Não foram obtidos resultados de metabólitos de estradiol em nenhuma das duasespécies, possivelmente pela falha do anticorpo utilizado em reconhecer os metabólitos. No entanto, este trabalho mostrou que a técnica utilizada foi eficaz para dosagem de metabólitos de testosterona e progesterona nas excretas destas espécies, evidenciando variações sazonais nas concentrações hormonais e indicando uma relação entre a concentração de metabólitos de testosterona e as posturas
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 24.06.2014
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FMVZ11300048498T.2977c FMVZ
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CHABU, Daniel Bernardo; GUIMARÃES, Marcelo Alcindo de Barros Vaz. Determinação não-invasiva da concentração de metabólitos de hormônios gonadais em excretas de ranfastídeos. 2014.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2014. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10131/tde-06102014-141757/ >.
    • APA

      Chabu, D. B., & Guimarães, M. A. de B. V. (2014). Determinação não-invasiva da concentração de metabólitos de hormônios gonadais em excretas de ranfastídeos. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10131/tde-06102014-141757/
    • NLM

      Chabu DB, Guimarães MA de BV. Determinação não-invasiva da concentração de metabólitos de hormônios gonadais em excretas de ranfastídeos [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10131/tde-06102014-141757/
    • Vancouver

      Chabu DB, Guimarães MA de BV. Determinação não-invasiva da concentração de metabólitos de hormônios gonadais em excretas de ranfastídeos [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10131/tde-06102014-141757/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: