Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Correlação entre o condensado do exalado pulmonar, teste de caminhada de seis minutos e Shuttle Walk Test em indivíduos cardiopatas (2014)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: NASCIMENTO, MARINA NEVES DO - FMRP
  • USP Schools: FMRP
  • Sigla do Departamento: RCA
  • Subjects: CAPACIDADE PULMONAR; CIRURGIA TORÁCICA; CUIDADOS PRÉ-OPERATÓRIOS; BETA-BLOQUEADORES
  • Language: Português
  • Abstract: Introdução: As doenças cardíacas ou do aparelho circulatório são as principais causas de morte na população brasileira, sendo responsável por um terço dos óbitos. Embora o tratamento conservador seja amplamente adotado, grande parte das doenças cardiovasculares necessita e tem como tratamento a cirurgia cardíaca, da qual as mais comuns são a cirurgia de revascularização do miocárdio (CRVM) e de troca valvar. Atualmente existem diversos estudos avaliando a função pulmonar ou a capacidade funcional para o acompanhamento do tratamento conservador ou em situação pré-operatória, porém estudos avaliando e correlacionando essas variáveis no pré-cirúrgico são escassos na literatura científica não sendo possível averiguar a existência da relação entre os níveis de nitrito e nitrato e o desempenho nos testes de capacidade funcional. Objetivo: Avaliar a correlação nitrito/nitrato (NOx) do condensado do exalado pulmonar (CEP) e a distancia caminhada nos testes de caminhada de 6 minutos (TC6) e shuttle walk test (SWT), além de verificar se a utilização de medicações contendo betabloqueadores, nitrato ou enzima conversara de angiotensina (IECA) podem influenciar nas concentrações de nitrito/nitrato no CEP e nas distancias caminhadas no TC6 e no SWT e comparar seu comportamento entre valvopatas e coronariopatas no pré operatório de cirurgia cardíaca. Metodologia: Foram selecionados 73 pacientes, dos quais 28 eram coronariopatas e 45 valvopatas, de ambos os sexos, com idade entre 20 e 80 anos, feita coleta do CEP para análise do NOx e submetidos ao TC6 e ao SWT para avaliação da distancia caminhada. Resultados: Na análise das concentrações de NOx do CEP não foi encontrada diferença estatisticamente significativa entre as medicações utilizadas via oral contendo nitrato (dinitrato de isossorbida), IECA (captopril ou enalapril) e/ou betabloqueador ou entre os pacientes do grupocoronariopata e grupo valvopata (p>0,05). Houve diferença estatisticamente significativa no TC6 nos valores de frequência cardíaca (FC) inicial, final e repouso e no valor referente à dispnéia final, e no SWT nos valores de FC inicial, final e repouso, na pressão arterial sistólico (PAS) inicial e no valor referente à dispnéia final entre os grupos coronariopata e valvopata. No entanto, foram interrompidos 4 TC6 e 7 SWT do grupo coronariopata devido ao desencadeamento de dor precordial, fato não ocorrido no grupo valvopata, apresentando nível de significância. A FC inicial e de repouso no TC6 e a FC final no SWT dos pacientes que não ingeriram nenhum medicamento antes do teste é diferente em relação à dos pacientes que fizeram uso de quaisquer medicamentos descritos antes do teste sugerindo a ação de medicamentos que modulam a FC como os betabloqueadores. Foi constatado correlação positiva moderada entre o NOx do CEP e os valores de PAS inicial e final de coronariopatas e correlação negativa fraca a moderada entre o NOx do CEP e os valores de FC final e de dispnéia final nos valvopatas no TC6, além da correlação positiva moderada entre o NOx do CEP e os valores de PAS inicial de indivíduos coronariopatas e correlação negativa fraca a moderada entre o NOx do CEP e os valores de FC inicial nos valvopatas no SWT. Foi identificado correlação negativa moderada na distancia caminhada no TC6 e no SWT apenas nos indivíduos coronariopatas. Conclusões: Não foram identificadas influências do uso de medicações betabloqueadoras, nitrato ou IECA sobre a dosagem de NOx ou a distancia caminhada em nenhum dos testes e em nenhum dos grupos, no entanto coronariopatas com níveis mais elevados de NOx apresentaram uma distancia deambulada menor
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 16.05.2014
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FMRP11200066364Nascimento, Marina Neves do
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      NASCIMENTO, Marina Neves do; RODRIGUES, Alfredo José. Correlação entre o condensado do exalado pulmonar, teste de caminhada de seis minutos e Shuttle Walk Test em indivíduos cardiopatas. 2014.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2014. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17137/tde-10062014-152507/ >.
    • APA

      Nascimento, M. N. do, & Rodrigues, A. J. (2014). Correlação entre o condensado do exalado pulmonar, teste de caminhada de seis minutos e Shuttle Walk Test em indivíduos cardiopatas. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17137/tde-10062014-152507/
    • NLM

      Nascimento MN do, Rodrigues AJ. Correlação entre o condensado do exalado pulmonar, teste de caminhada de seis minutos e Shuttle Walk Test em indivíduos cardiopatas [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17137/tde-10062014-152507/
    • Vancouver

      Nascimento MN do, Rodrigues AJ. Correlação entre o condensado do exalado pulmonar, teste de caminhada de seis minutos e Shuttle Walk Test em indivíduos cardiopatas [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17137/tde-10062014-152507/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: