Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Avaliação da Geodiversidade em São Sebastião - SP, como Patrimônio Geológico (2014)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: REVERTE, FERNANDA COYADO - IGC
  • USP Schools: IGC
  • Sigla do Departamento: GMG
  • Subjects: GEODIVERSIDADE; GEOCONSERVAÇÃO; PATRIMÔNIO GEOLÓGICO
  • Language: Português
  • Abstract: As questões relacionadas ao trinômio patrimônio geológico, geodiversidade e geoconservação surgiram no final do século XX associadas principalmente à preservação da natureza. Neste contexto, o Brasil tem apresentado um quadro crescente de pesquisas ligadas à gestão e à conservação do patrimônio natural . Desta forma, com o objetivo de contribuir com o registro, o conhecimento, a conservação e a divulgação de parte do patrimônio geológico nacional, este trabalho realizou o inventário científico do município de São Sebastião, litoral norte de São Paulo, acompanhado da descrição, quantificação e classificação de pontos de interesse geológico. De modo geral, o inventário e a classificação destes sítios foram feitos a partir de um contexto geológico definido, denominado framework ou categoria temática, cujo principal aspecto de caráter geocientífico considerado para exemplificar a geodiversidade local relaciona-se à amalgamação, evolução e fragmentação do Supercontinente Gondwana, que se constituem em eventos tectônicos significativos na história geológica da região e influenciaram na configuração da atual paisagem observada. Os registros destes eventos são encontrados em diversos afloramentos distribuídos pelo município e são representativos do ponto de vista científico, turístico e didático. Para atingir os objetivos do projeto, os métodos utilizados foram adaptados da metodologia sugerida por Brilha (2005), baseada na escolha dos geossítios por meio dolevantamento bibliográfico da região, extensivos trabalhos de campo e por fim, da integração dos dados obtidos, que acarretaram na elaboração de uma lista gem de inúmeros pontos de interesse geológico dos quais nove foram selecionados para se tornarem geossítios, correspondendo a seis afloramentos em costões distribuídos pelo município, um afloramento ao longo de trilha ecoturística na Mata Atlântica, um mirante com interesse geomorfológico e um arquipélago distante do continente cerca de 50 km. Para a quantificação dos pontos de interesse geológico, foram adotados dois métodos brasileiros: o primeiro proposto pelo Serviço Geológico do Brasil (CPRM), viabilizado por meio da plataforma GEOSSIT, e o segundo sugerido por Pereira (2010). Os resultados indicam locais que apresentam valor turístico, outros que se encontram vulneráveis e outros que possuem relevância científica, podendo ser utilizado pelo público universitário para aulas de campo, mas que ainda necessitam de pesquisas mais aprofundadas, como o exemplo do ilhote de Camburizinho. Os resultados foram comparados e discutidos de modo a se propor estratégias de gestão e geoconservação a cada um dos geossítios descritos de acordo com a relevância científica, suscetibilidade a atividades antrópicas, possíveis usos e potencial turístico, científico e/ou didático por eles apresentados. Dentre as estratégias de geoconservação propostas destacam-se a implantação de painéis, capacitação de guiasambientais, desenvolvimento de websites e projetos de educação ambiental que envolvam tanto a comunidade do entorno como também os turistas que frequentam a região. O intuito é gerar o desenvolvimento social da área de modo sustentável ao divulgar o patrimônio geológico, promover o geoturismo e contribuir com a gestão territorial da região, valorizando e protegendo a geodiversidade local para as futuras gerações
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 30.09.2014
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    IGC30900032233T R452 FC.a v.original e.3
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      REVERTE, Fernanda Coyado; GARCIA, M. G. M. Avaliação da Geodiversidade em São Sebastião - SP, como Patrimônio Geológico. 2014.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2014. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44144/tde-26112014-150607/ >.
    • APA

      Reverte, F. C., & Garcia, M. G. M. (2014). Avaliação da Geodiversidade em São Sebastião - SP, como Patrimônio Geológico. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44144/tde-26112014-150607/
    • NLM

      Reverte FC, Garcia MGM. Avaliação da Geodiversidade em São Sebastião - SP, como Patrimônio Geológico [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44144/tde-26112014-150607/
    • Vancouver

      Reverte FC, Garcia MGM. Avaliação da Geodiversidade em São Sebastião - SP, como Patrimônio Geológico [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44144/tde-26112014-150607/