Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Efeitos da suplementação de creatina combinada ou não ao treinamento físico em mulheres idosas: estudo clínico, randomizado, duplo-cego, controlado por placebo (2014)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: MACEDO, ANDRE REGIS - FM
  • USP Schools: FM
  • Subjects: AMINOÁCIDOS; TERAPIA POR EXERCÍCIO; MULHERES; ENVELHECIMENTO; IDOSOS; ESTUDOS RANDOMIZADOS
  • Keywords: Aging; Creatina; Creatine; Elderly; Ensaio clínico controlado aleatório; Envelhecimento; Exercise therapy; Idoso; Mulheres; Randomized controlled trial; Sarcopenia; Sarcopenia; Terapia por exercício; Women
  • Language: Português
  • Abstract: INTRODUÇÃO: O envelhecimento cada vez maior da população mundial é responsável pelo aumento na prevalência de sarcopenia, osteoporose e incapacidade física em indivíduos idosos mais vulneráveis. OBJETIVOS: Avaliar a eficácia da suplementação de creatina (CR), associada ou não ao treinamento de resistência ou força (RT) em mulheres idosas. MÉTODOS: 60 mulheres voluntárias acima de 60 anos de idade, sedentárias, participaram do estudo clínico randomizado, duplo-cego, controlado por placebo, durante 24 semanas, divididas em quatro grupos : placebo (PL), com suplementação de creatina (CR), placebo com treinamento de resistência (PL + RT) e suplementação de creatina com treinamento de resistência (CR + RT). As voluntárias foram avaliadas antes e depois de 24 semanas de intervenção. A força muscular foi avaliada por testes de uma repetição máxima (1RM). Outras variáveis foram incluídas como massa magra apendicular, massa óssea, marcadores de metabolismo ósseo e testes de capacidade física funcional. RESULTADOS: As alterações no teste de 1RM leg press foram significantemente maiores no grupo CR + RT (+ 19.9%) do que os grupos PL (+ 2.4%) e CR (+ 3.7%), mas não no grupo PL + RT (+ 15%) (p = 0.002, p = 0.002, e p = 0.357, respectivamente). O grupo CR + RT também demonstrou ganhos superiores no teste de 1RM supino (+ 10%) quando comparado com o grupo PL (- 3.1%, p = 0.03). Os grupos PL, CR, e PL + RT tiveram mudanças comparáveis no 1RM supino. O grupo CR + RT (+ 1.31%) apresentoumelhora significativa na massa magra apendicular em relação aos grupos PL (- 1.2%), CR (+ 0.3%), e PL + RT (- 0.2%) (p < 0.05). Os grupos CR e PL + RT obtiveram ganhos comparáveis na massa magra apendicular (p = 0.62), porém superiores aos observados no grupo PL. Massa gorda, massa óssea e marcadores séricos de metabolismo ósseo não obtiveram diferenças significativas entre os grupos (p > 0.05). CONCLUSÕES: Suplementação de creatina a longo prazo combinado com treinamento de resistência pode melhorar massa magra apendicular e função muscular,mas não massa óssea, em mulheres idosas vulneráveis
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 11.12.2014
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FM2674762-10W4.DB8 SP.USP FM-2 M119ef 2014êx.rev
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MACEDO, Andre Regis; PEREIRA, Rosa Maria Rodrigues. Efeitos da suplementação de creatina combinada ou não ao treinamento físico em mulheres idosas: estudo clínico, randomizado, duplo-cego, controlado por placebo. 2014.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2014. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5166/tde-24022015-104459/ >.
    • APA

      Macedo, A. R., & Pereira, R. M. R. (2014). Efeitos da suplementação de creatina combinada ou não ao treinamento físico em mulheres idosas: estudo clínico, randomizado, duplo-cego, controlado por placebo. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5166/tde-24022015-104459/
    • NLM

      Macedo AR, Pereira RMR. Efeitos da suplementação de creatina combinada ou não ao treinamento físico em mulheres idosas: estudo clínico, randomizado, duplo-cego, controlado por placebo [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5166/tde-24022015-104459/
    • Vancouver

      Macedo AR, Pereira RMR. Efeitos da suplementação de creatina combinada ou não ao treinamento físico em mulheres idosas: estudo clínico, randomizado, duplo-cego, controlado por placebo [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5166/tde-24022015-104459/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: