Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Eficácia da Psicoeducação para pacientes com depressão unipolar (2014)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: BRAGA, MARIANA FLÁVIA DE SOUZA TURSI - FMRP
  • USP Schools: FMRP
  • Sigla do Departamento: RNP
  • Subjects: DEPRESSÃO; EDUCAÇÃO DO PACIENTE; TRATAMENTO PSICOLÓGICO
  • Language: Português
  • Abstract: A depressão é uma doença crónica, recorrente e resistente ao tratamento. Está frequentemente associada com incapacitação funcional, acarretando significativos prejuízos na vida social, laborei e familiar do paciente. Aproximadamente 80% dos indivíduos que receberam tratamento para um episódio depressivo apresentarão recorrência, muitas vezes devido à baixa adesão ao tratamento. Nesse contexto, o tratamento medicamentoso combinado com intervenções psicossociais torna-se cada vez mais utilizado, sendo a Psicoeducação uma das intervenções eficazes. O presente estudo tem por objetivo avaliar a eficácia da Psicoeducação no tratamento de pacientes com Transtorno Depressivo Unipolar. O estudo conta com uma amostra de 28 pacientes com depressão unipolar em episódio atual, em tratamento farmacológico regular no Hospital das Clinicas da Faculdade-de Medicina de Ribeirão Preto, com idades entre 18 e 65 anos, de ambos os sexos, sendo estes divididos em dois grupos: Grupo de Psicoeducação (PE), que conta com 14 pacientes que participaram de intervenção de Psicoeducação em grupo, e Grupo Ambulatorial (AMBU), que também conta com 14 pacientes que tinham como objetivo principal atendimento psiquiátrico e medicamentoso, não participando de intervenção de PE. O Programa de Psicoeducação consiste em 8 encontros semanais, com duração de 90 minutos cada e contando em média com 5 pacientes. São grupos fechados, com sessões semiestruturadas e temas pré-definidos que abordam os seguintes assuntos: informações clínicas sobre a doença, aspectos etiológicos, tratamentos medicamentosos e psicoterápicos, detecção de sinais precoces de recaída, possibilidade de a família colaborar com o tratamento e reinserção social do paciente. Para avaliação da gravidade dos sintomas depressivos foi aplicada a HAM-D, sendo considerado como ponto de corte deste estudo pacientes com ‘HAM-D IND21’ > 217, e os seguintes instrumentos: MADRS, BDI, BAI, BSI, BHS. Para avaliar a aderência ao tratamento, utilizou-se a EAM e o QCF, enquanto que para avaliar o funcionamento dos pacientes, a FAST. Todos os instrumentos foram aplicados na fase inicial e na fase final de intervenção. Em relação aos resultados, as amostras foram homogéneas nas características sociodemográficas e clínicas. A eficácia da Psicoeducação na sintomatologia psiquiátrica foi evidenciada nos sintomas depressivos (HAM-D: p<0,001). Em relação à adesão ao tratamento, os resultados indicaram uma tendência dos pacientes de PE aderirem mais ao tratamento medicamentoso (EAM: p=0,08). Na avaliação da funcionalidade psicossocial, os resultados também sugarem que os domínios de autonomia (p<0,02) e relações interpessoais (p=0,05) foram mais eficazes no grupo PE. Tanto no Grupo de PE quanto no Grupo AMBU, os pacientes diminuíram, ao longo de 8 semanas, os sintomas psiquiátricos de depressão (HAM-D: p<0,001; MADRS: p<0,001; BDI: p:<0,001), ansiedade (BAI: p<0,05), desesperança (BHS: p<0,001) e ideação suicida (BSI: p<0,005) e também apresentaram uma melhora da funcionalidade psicossocial global (FAST: p<0,001) e nos domínios de Autonomia (p=0,002), Trabalho (p<0,05), Cognição (p<0,001), Finanças (p=0,006), Relações Interpessoais (p<0,001) e Lazer (p<0,05). Nesse sentido, os dados sugarem que ambas as abordagens trazem melhoras para os pacientes após 8 semanas, no entanto, observou-se que à Psicoeducação foi mais eficaz na redução de sintomas depressivos, na autonomia, nas relações interpessoais e uma tendência de aumentar a adesão ao tratamento
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 15.08.2014

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FMRP11200066512Tursi-Braga, Mariana Flávia de Souza
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      TURSI-BRAGA, Mariana Flávia de Souza; MARIO FRANCISCO JURUENA,. Eficácia da Psicoeducação para pacientes com depressão unipolar. 2014.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2014.
    • APA

      Tursi-Braga, M. F. de S., & Mario Francisco Juruena,. (2014). Eficácia da Psicoeducação para pacientes com depressão unipolar. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Tursi-Braga MF de S, Mario Francisco Juruena. Eficácia da Psicoeducação para pacientes com depressão unipolar. 2014 ;
    • Vancouver

      Tursi-Braga MF de S, Mario Francisco Juruena. Eficácia da Psicoeducação para pacientes com depressão unipolar. 2014 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: