Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

O arranjo gerencial: Estado, empresas de engenharia e arquitetos nos cotidianos de gestão da política habitacional em São Paulo (2014)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: PULHEZ, MAGALY MARQUES - IAU
  • USP Schools: IAU
  • Subjects: POLÍTICA HABITACIONAL; TERCEIRIZAÇÃO; CONSULTORIA DE EMPRESAS
  • Language: Português
  • Abstract: A pesquisa aborda os arranjos estabelecidos entre departamentos estatais, empresas privadas e grupos profissionais na determinação, na regulação e na execução cotidiana da política habitacional em São Paulo. Empiricamente, o trabalho focaliza as empresas de gerenciamento e consultoria - ou simplesmente gerenciadoras - que atuam como terceirizadas há pelo menos vinte e cinco anos junto à Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano - CDHU, empresa pública vinculada à Secretaria de Habitação do Estado de São Paulo, desenvolvendo atividades concernentes à junção gerencial, de administração e controle das etapas de concepção, viabilização, implantação e operação de programas e empreendimentos. Alocadas no amplo setor da Engenharia Consultiva, a atuação destas empresas no país ganha significativa envergadura ainda nos anos 1960, durante a ditadura militar, acompanhando a tendência de transformação do modos operandi estatal e de expansão do repasse de funções executivas do Estado para o setor privado, já então amparada na doutrina gerencialista da eficiência, da competência e da qualidade. Ao longo da tese, são discutidas questões sobre a própria ideia da função gerencial como dispositivo de gestão e como racionalidade, sua recepção e incorporação ao desenho da política habitacional brasileira e a participação das empresas consultoras nessa dinâmica, a partir de um enfoque sobre os caminhos de seu desenvolvimento no país, os agentes envolvidos, as relações políticas, institucionais, profissionais e corporativas estabelecidas, o surgimento do "serviço especializado de gerenciamento" como uma ramificação da Engenharia Consultiva e seu estriamento pelas estruturas públicas estatais alegadamente falidas, justificado em discurso pela inexorabilidade da terceirização. Além disso, são também problematizados o peso destas empresas na (Continua)(Continuação) estrutura de gestão atualmente formalizada e os desdobramentos que, desde aí, implicam uma reconfiguração do campo profissional de arquitetos e urbanistas envolvidos com a questão habitacional em São Paulo nas últimas duas décadas, seus constrangimentos e potencialidades diante dos novos arranjos determinados em torno da execução da política pública
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 20.11.2014
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    EESC31100201411TESE 9056 1/1 CD-ROM
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      PULHEZ, Magaly Marques; RIZEK, Cibele Saliba. O arranjo gerencial: Estado, empresas de engenharia e arquitetos nos cotidianos de gestão da política habitacional em São Paulo. 2014.Universidade de São Paulo, São Carlos, SP, 2014. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/102/102132/tde-16032015-141443/pt-br.php >.
    • APA

      Pulhez, M. M., & Rizek, C. S. (2014). O arranjo gerencial: Estado, empresas de engenharia e arquitetos nos cotidianos de gestão da política habitacional em São Paulo. Universidade de São Paulo, São Carlos, SP. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/102/102132/tde-16032015-141443/pt-br.php
    • NLM

      Pulhez MM, Rizek CS. O arranjo gerencial: Estado, empresas de engenharia e arquitetos nos cotidianos de gestão da política habitacional em São Paulo [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/102/102132/tde-16032015-141443/pt-br.php
    • Vancouver

      Pulhez MM, Rizek CS. O arranjo gerencial: Estado, empresas de engenharia e arquitetos nos cotidianos de gestão da política habitacional em São Paulo [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/102/102132/tde-16032015-141443/pt-br.php