Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Integralidade e indígenas urbanos: análise dos relatos de profissionais e usuários de uma unidade básica de saúde no município de São Paulo (2014)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: FIDELIS, JULIANA GONÇALVES - EACH
  • USP Schools: EACH
  • Subjects: SAÚDE PÚBLICA; ASSISTÊNCIA À SAÚDE; CUIDADOS INTEGRAIS DE SAÚDE; ACESSO AOS SERVIÇOS DE SAÚDE; ÍNDIOS; PANKARARU
  • Keywords: Atenção à saúde do indígena; Atenção integral à saúde; Atenção primária à saúde; Attention to the healthcare of indigenous populations; Comprehensive healthcare; Cultural studies in health; Estudos culturais em saúde; Healthcare professionals; Indigenous users; Primary healthcare; Profissionais de saúde; Usuários indígenas
  • Language: Português
  • Abstract: Analisamos a possibilidade de oferta de ações integrais em saúde em um serviço de Atenção Primária na região oeste do município de São Paulo. Esse serviço atende à uma comunidade indígena da etnia Pankararu, residente na favela Real Parque no bairro do Morumbi, através de uma equipe específica da Estratégia Saúde da Família (ESF). Verificamos em que medida o exame de relatos de profissionais e usuários indígenas deste serviço básico de saúde poderia identificar a atenção integral às necessidades de uma comunidade específica. Utilizamos a metodologia qualitativa e examinamos 05 entrevistas realizadas a sujeitos chave, contendo profissionais e usuários indígenas, liderança indígena e profissionais não indígenas. Estas entrevistas foram realizadas por pesquisadores da pesquisa \"Caminhos da Integralidade\" e sua utilização foi autorizada para nosso estudo. Na análise e interpretação dos dados utilizamos a análise de conteúdo segundo BARDIN. Classificamos o material em quatro categorias pré-definidas segundo os sentidos atribuídos à noção de Integralidade: 1) como boa Medicina, 2) como modo de organizar as práticas de saúde, 3) como demandas específicas e 4) como construção de projetos de felicidade. Identificamos nos relatos expressões favoráveis e desfavoráveis para uma atenção integral à saúde em cada categoria. Destacamos como variáveis favoráveis: o acesso \"diferenciado\" dos indígenas aos serviços de saúde; (continua)(continuação) a importância da formação profissional e o interesse individualde aproximação com a cultura indígena; e a possibilidade de articulação entre serviços de atendimento ao indígena nos diferentes níveis de atenção. Como variáveis desfavoráveis: a equipe de saúde indígena tomada como \"privilégio\"; a falta de abertura para expressões culturais no encontro entre profissional e usuário indígena e na relação entre profissionais indígenas e não indígenas; a falta de conhecimento sobre a etnia assistida; dificuldades entre as especificidades da equipe indígena e os protocolos seguidos pela equipe Estratégia Saúde da Família. Constatamos um paradoxo essencial em nossa pesquisa: a presença da equipe de saúde indígena facilitou o acesso dos Pankararu às ações de saúde, mas nem sempre, os profissionais consideraram a diversidade cultural na abordagem individual/coletiva ou a inclusão do sistema tradicional indígena de cura (Encantados) na assistência a esse grupo étnico. Percebemos também que os profissionais dessa equipe não dispunham de protocolos e de uma padronização específica da rotina de trabalho para a atenção ao indígena. Defendemos que identificar variáveis que apontam distanciamento das práticas de saúde da ideia de integralidade é essencial para investirmos nas mudanças necessárias para uma boa prática em saúde. Concluímos que a integração e a coordenação de diferentes saberes é um bom caminho para construir projetos de felicidade e encontros interativos em serviços de saúde
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 21.05.2014
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    EACH23000036031t362.1098161 F451i
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      FIDELIS, Juliana Gonçalves; HUTCHISON, Ângela Maria Machado de Lima. Integralidade e indígenas urbanos: análise dos relatos de profissionais e usuários de uma unidade básica de saúde no município de São Paulo. 2014.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2014. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/100/100135/tde-23012015-145117/ >.
    • APA

      Fidelis, J. G., & Hutchison, Â. M. M. de L. (2014). Integralidade e indígenas urbanos: análise dos relatos de profissionais e usuários de uma unidade básica de saúde no município de São Paulo. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/100/100135/tde-23012015-145117/
    • NLM

      Fidelis JG, Hutchison ÂMM de L. Integralidade e indígenas urbanos: análise dos relatos de profissionais e usuários de uma unidade básica de saúde no município de São Paulo [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/100/100135/tde-23012015-145117/
    • Vancouver

      Fidelis JG, Hutchison ÂMM de L. Integralidade e indígenas urbanos: análise dos relatos de profissionais e usuários de uma unidade básica de saúde no município de São Paulo [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/100/100135/tde-23012015-145117/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: