Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Diversidade genética e química em germoplasma de gengibre (Zingiber officinale) (2015)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: BLANCO, ELVIRA BLANCO - FFLCH
  • USP Schools: FFLCH
  • Subjects: GENGIBRE; DIVERSIDADE GENÉTICA; GERMOPLASMA VEGETAL; ÓLEOS ESSENCIAIS
  • Language: Português
  • Abstract: Os recursos genéticos vegetais apresentam um valor real e potencial para a agricultura em razão da sua importância em programas de melhoramento e conservação. Este estudo teve como objetivo principal caracterizar a diversidade genética e química do germoplasma de gengibre do Departamento de Genética da ESALQ/USP, por meio de 18 descritores fenotípicos, 13 combinações de marcadores AFLP e análise da composição química do óleo essencial. O germoplasma foi formado por acessos procedentes de distintos estados brasileiros, além de algúns acessos introduzidos da Colômbia. Durante as coletas, foram entrevistados 34 agricultores de três estados: São Paulo (SP), Espírito Santo (ES) e Paraná (PR), constatando-se que esta espécie é cultivada principalmente por agricultores familiares cuja fonte principal de renda é a agricultura. Na análise da composição química, um total de 61 compostos foram identificados, sendo que os acessos apresentaram variabilidade química segundo a análise de variância. O óleo essencial foi rico em monoterpenos (82,35%), destacando-se geranial (20,41%) e neral (13,36%) como os compostos mais abundantes. Os compostos α-zingibereno, 1,8-cineol, linalol e β-felandreno, foram importantes na análise da diversidade química e, portanto, determinantes no agrupamento baseado no método de ligação completa (LC-VD) que classificou o germoplasma em dois grupos de acessos: cultivares e cultivares locais. Na caracterização agromorfológica, pouca variação foiobservada para variáveis qualitativas, enquanto que para variáveis quantitativas houve moderada a baixa variabilidade, embora alguns acessos divergentes foram identificados. A análise de componentes principais explicou 82% da variação total nos primeiros três componentes, sendo que a distribuição dos acessos no gráfico de dispersão foi congruente com os agrupamentos formados pelo método de otimização de Tocher, destacando-se os acessos Gen-18, Gen-24, Gen-65 e Gen-42 como os mais divergentes do germoplasma fenotípicamente. Na caracterização molecular, 13 combinações de primers AFLP geraram, em média, 113,5 locos polimórficos, com uma proporção de 96,85% de polimorfísmo na coleção global. As estimativas de diversidade genética de Nei (Hj), índice de Shannon (I) e número efetivo de alelos (ne), foram superiores nos acessos colombianos (0,501; 0,396 e 1,508, respectivamente), em relação aos acessos brasileiros. A AMOVA mostrou que a maior parte da variação (63%) ocorreu entre os dois países e o índice FST=0,153 corroborou este resultado, indicando alta diferenciação genética entre eles. Os agrupamentos fornecidos pelo Structure e o dendrograma baseado no complemento do coeficiente de Jaccard, foram consistentes entre si e demonstraram que a maioria dos acessos brasileiros são altamente similares, sendo que não há influência da procedência geográfica no padrão dos agrupamentos químicos, fenotípicos e moleculares. A introdução de novos materiais genéticos no Brasil, certamentecontribuirá para uma base genética mais ampla deste cultivo
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 07.04.2015
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    ESABC12700011653t633.83 Z24d e.1 108609
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      BLANCO, Eleonora Zambrano; PINHEIRO, José Baldin. Diversidade genética e química em germoplasma de gengibre (Zingiber officinale). 2015.Universidade de São Paulo, Piracicaba, 2015. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11137/tde-05052015-104359/ >.
    • APA

      Blanco, E. Z., & Pinheiro, J. B. (2015). Diversidade genética e química em germoplasma de gengibre (Zingiber officinale). Universidade de São Paulo, Piracicaba. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11137/tde-05052015-104359/
    • NLM

      Blanco EZ, Pinheiro JB. Diversidade genética e química em germoplasma de gengibre (Zingiber officinale) [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11137/tde-05052015-104359/
    • Vancouver

      Blanco EZ, Pinheiro JB. Diversidade genética e química em germoplasma de gengibre (Zingiber officinale) [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11137/tde-05052015-104359/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: