Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Metrics


Metrics:

Influência das diferenças culturais, econômicas e sociais na adoção das IFRS (2014)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: NAKAO, SÍLVIO HIROSHI - FEARP
  • USP Schools: FEARP
  • DOI: 10.4270/ruc.2014106
  • Subjects: CONTABILIDADE; PRODUTO INTERNO BRUTO; CULTURA
  • Language: Português
  • Abstract: A contabilidade passa por um processo de convergência às normas internacionais de contabilidade, decorrente da expansão das relações multinacionais e do mercado de capitais. Atrelado a isso, sabe-se que características culturais, econômicas e sociais de uma nação influenciam nas suas decisões; logo é de se esperar que a reação de cada país frente à adoção das normas internacionais de contabilidade (IFRS) seja diferente, dependendo de suas características. Dessa forma, este trabalho objetiva verificar a influência das diferenças culturais, econômicas e sociais dos países na decisão de adoção das IFRS. Para tal, utilizando como métricas as dimensões de Hofstede e dados de tamanho da população, de PIB per capita e de IDH, verificou-se que a adoção possui relação estatisticamente significante com o tamanho da população e com duas dimensões culturais, sendo elas o grau de individualismo e a aversão à incertezas/ambiguidades. A relação negativa encontrada com a população corroborou com o esperado, pois de fato países populosos não adotaram a norma, o que sugere satisfação com sua contabilidade ou alto custo de implementação da nova regra. A relação positiva com o grau de aversão à incerteza também era esperado, haja vista que a harmonização contábil minimiza discricionariedades dos gestores, aumentando a credibilidade da informação. Já a relação não esperada para individualismo, permite inferir falta de credibilidade da dimensão ou ainda que tal variável não evidencie adequadamente a diferença cultural existenteLa contabilidad pasa por un proceso de convergencia con las normas de contabilidad financiera internacional, debido a la expansión de las relaciones multinacionais y del mercado de capital. En relación con esto, se sabe de la influencia cultural, económica y social de una nación en sus decisiones, entonces se espera que la reacción de cada país en la adopción de las normas internacionales de contabilidad (IFRS) es diferente, dependiendo de sus características. Por lo tanto, este estudio tiene como objetivo investigar la influencia de las características culturales, sociales y económicos del países en la decisión de adopción del IFRS. Con este fin, utilizando métricas como las dimensiones de Hofstede y los dados de tamaño de población, de PIB per cápita y del IDH, se constató que la adopción tiene relación estadísticamente significativa con el tamaño de la población y con dos dimensiones culturales, el individualismo y la aversión a la incertidumbre / ambigüedad. La relación negativa encontrada con la población es el esperado, porque los países muy poblados en realidad no han adoptado la norma, lo que sugiere satisfecho con su contable o alto costo de la aplicación de la nueva regla. Una relación positiva con La aversión a la incertidumbre también se esperaba, dado que la armonización de la contabilidad reduce al mínimo la actitud oportunista, lo que aumenta la credibilidad de la información. Como la relación com individualismo no se esperaba, se puede inferir una falta de credibilidad de la dimensione o esta variable no muestra adecuadamente la brecha cultural existente entre los países
  • Imprenta:
  • Source:
  • Acesso online ao documento

    Online accessDOI or search this record in
    Informações sobre o DOI: 10.4270/ruc.2014106 (Fonte: oaDOI API)
    • Este periódico é de assinatura
    • Este artigo é de acesso aberto
    • URL de acesso aberto
    • Cor do Acesso Aberto: bronze
    Versões disponíveis em Acesso Aberto do: 10.4270/ruc.2014106 (Fonte: Unpaywall API)

    Título do periódico: Revista Universo Contábil

    ISSN: 1809-3337

    • Melhor URL em Acesso Aberto:


    • Outras alternativas de URLs em Acesso Aberto:

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FEARP2694077pcd 2694077 Estantes Deslizantes
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MACHADO, Melina Carneiro; NAKAO, Sílvio Hiroshi. Influência das diferenças culturais, econômicas e sociais na adoção das IFRS. Revista Universo Contábil, Blumenau, v. 10, n. 1, p. 104-125, 2014. Disponível em: < http://dx.doi.org/10.4270/ruc.2014106 > DOI: 10.4270/ruc.2014106.
    • APA

      Machado, M. C., & Nakao, S. H. (2014). Influência das diferenças culturais, econômicas e sociais na adoção das IFRS. Revista Universo Contábil, 10( 1), 104-125. doi:10.4270/ruc.2014106
    • NLM

      Machado MC, Nakao SH. Influência das diferenças culturais, econômicas e sociais na adoção das IFRS [Internet]. Revista Universo Contábil. 2014 ; 10( 1): 104-125.Available from: http://dx.doi.org/10.4270/ruc.2014106
    • Vancouver

      Machado MC, Nakao SH. Influência das diferenças culturais, econômicas e sociais na adoção das IFRS [Internet]. Revista Universo Contábil. 2014 ; 10( 1): 104-125.Available from: http://dx.doi.org/10.4270/ruc.2014106