Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Geração e transporte de fundidos em semi-pelitos: modelagem com dados de campo e pseudosseções (2015)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: BATISTA, LAISA DE ASSIS - IGC
  • USP Schools: IGC
  • Sigla do Departamento: GMG
  • Subjects: MIGMATITO; TONALITO; XISTO; METATEXITO; METAMORFISMO; ANATEXIA
  • Keywords: Semipelite; Semipelito; Wacke
  • Language: Português
  • Abstract: Visando contribuir para o entendimento dos processos anatéticos em rochas metamórficas de composição semipelítica, este trabalho apresenta dados de campo e modelagem metamórfica, utilizados como ferramentas para a correlação entre biotita xisto e metatexito ricos em quartzo e plagioclásio, com granada, cianita, muscovita, rutilo e ilmenita, pertencentes à unidade Santo Antônio no Sistema de Nappes Andrelândia, sul de Minas Gerais. Com o levantamento de campo foi caracterizada a associação cianita + granada + biotita + plagioclásio + muscovita + rutilo + ilmenita + quartzo + leucossoma tonalítico em litotipos que variam de xisto homogêneo a metatexito protoestromático, com o estabelecimento do protobandamento favorecido pela geração e segregação limitada do leucossoma, que aumenta da base para o topo do pacote. A amostragem dos litotipos principais é feita a partir de três pedreiras, da base para o topo: IC01, em que predomina xisto com feições de fusão in situ subordinadas às porções granoblásticas e cristais idiomórficos de plagioclásio em veios de quartzo; IC03, dominada por xisto, na base, e metatexito no topo, com ampla distribuição de patches, bolsões e veios de leucossoma tonalítico in situ ou in source; e IC07, caracterizada pelo bandamento de porções de xisto e metatexito, em escalas de 1 cm a 1 m, com leucossoma in situ ou in source reforçando o bandamento composicional, ou também na forma de veios, patches e bolsões quepodem truncar a foliação. Com a química de rocha total é evidente que não existem diferenças composicionais significativas entre xistos e metatexitos. A geração de pequenos volumes de leucossoma rico em Si e Na, compatível com as segregações tonalíticas observadas, e resíduo rico em Fe, Mg e K, associado às acumulações de biotita nas suas bordas, não mudou de forma significativa a composição das rochas. A similaridade entre os padrões de elementos terras-raras reconhecidos para os litotipos analisados indica que a anatexia não alcançou condições altas o suficiente para a dissolução e reprecipitação de fases ultraestáveis como monazita e zircão, hipótese sustentada também pela ausência de feldspato potássico no leucossoma. O cálculo de isopletas resulta em topologia semelhante para amostras de IC01 e IC03; o plagioclásio em amostras das três pedreiras apresenta intervalo composicional contínuo entre An15 e An48, com grãos progressivamente mais ricos em albita, partindo dos inclusos em granada, na matriz xistosa ou metatexítica, e no leucossoma. Esta progressão na quantidade de albita é também observada em cristais de IC01 para IC03 e IC07, respectivamente, sentido no qual, em contrapartida, diminuem as diferenças composicionais entre cristais de mesma amostra e diferentes sítios texturais. A variação composicional da muscovita mostra grupos com distintos teores de sódio, sugerindo trajetória metamórfica horária para o pacote metatexítico e atermobarometria otimizada aplicada a IC01 e IC03 resulta em temperaturas de 750 a 850 °C para o pico metamórfico da base para o topo da unidade, respectivamente, em condições de pressão elevada, maior que 8 kbar. Estas evidências caracterizam o metamorfismo invertido atuante na região e demonstram a importância o reconhecimento da anatexia para a interpretação petrogenética de rochas semipelíticas
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 15.04.2015
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    IGC30900032619T B333 LA.g v.corrigida Anexo II e.2
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      BATISTA, Laisa de Assis; MORAES, Renato de. Geração e transporte de fundidos em semi-pelitos: modelagem com dados de campo e pseudosseções. 2015.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2015. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44143/tde-17062015-093751/ >.
    • APA

      Batista, L. de A., & Moraes, R. de. (2015). Geração e transporte de fundidos em semi-pelitos: modelagem com dados de campo e pseudosseções. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44143/tde-17062015-093751/
    • NLM

      Batista L de A, Moraes R de. Geração e transporte de fundidos em semi-pelitos: modelagem com dados de campo e pseudosseções [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44143/tde-17062015-093751/
    • Vancouver

      Batista L de A, Moraes R de. Geração e transporte de fundidos em semi-pelitos: modelagem com dados de campo e pseudosseções [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44143/tde-17062015-093751/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: