Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Marcha dialética do MST: formação política entre campo e cidade (2015)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: BASTOS, PABLO NABARRETE - ECA
  • USP Schools: ECA
  • Subjects: MOVIMENTO DOS SEM-TERRA; MOVIMENTOS SOCIAIS RURAIS; MOVIMENTOS SOCIAIS URBANOS; POLÍTICA
  • Keywords: hegemony; Movement of Landless Rural Workers (MST); political education; rural and urban
  • Language: Português
  • Abstract: O objetivo desta tese é compreender como se desenvolve historicamente a relação e articulação política entre o MST e a cidade, entre trabalhadores rurais e urbanos na luta pela hegemonia popular, a hegemonia da classe trabalhadora. E o que representa esta articulação para a formação, a força, a prática e luta política dos Sem Terra. O que implica compreender a capacidade dialógica do MST, a disposição e intencionalidade pedagógica e comunicativa para as alianças políticas e de classe com o trabalhador urbano e suas instâncias de organização. A pesquisa identificou quatro principais níveis de luta: hegemonia do/no espaço social, hegemonia da/na arte e cultura, hegemonia da/na comunicação e hegemonia da/na educação. O espaço de pesquisa dessa tese é o espaço entre o campo e a cidade, com foco no eixo metropolitano do MST, no Estado de São Paulo. O foco é o espaço da fronteira política, lugar da alteridade, de encontro, desencontro e contradição, onde há maior potencial para o desdobramento da comunicação política emancipatória, para a integração crítica e a luta contra-hegemônica, desde que reconhecido este espaço comum de comarginalidade. A situação de comargilalidade é concreta, mas exige mediação política dos trabalhadores do campo e da cidade para que se configurem as alianças. Por isso o trabalho estratégico das organizações e movimentos como o MST. A pesquisa utiliza o método dialético e são aplicadas técnicas qualitativas, entrevistas semiestruturadas, com os dirigentes e militantes, e também pesquisa antropológica em visitas à Escola Nacional Florestan Fernandes (ENFF). A ENFF, localizada no bairro de Parateí, município de Guararema, Estado de São Paulo, é o principal espaço de formação política dos movimentos sociais da América Latina. Constitui também espaço estratégico para a formação, comunicação e socialização política entrea classe trabalhadora do campo e da cidade
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 10.04.2015
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    ECA20100079090t301.242 B327m (original) col. esp.
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      BASTOS, Pablo Nabarrete; FREDERICO, Celso. Marcha dialética do MST: formação política entre campo e cidade. 2015.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2015. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/27/27154/tde-29062015-151022/ >.
    • APA

      Bastos, P. N., & Frederico, C. (2015). Marcha dialética do MST: formação política entre campo e cidade. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/27/27154/tde-29062015-151022/
    • NLM

      Bastos PN, Frederico C. Marcha dialética do MST: formação política entre campo e cidade [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/27/27154/tde-29062015-151022/
    • Vancouver

      Bastos PN, Frederico C. Marcha dialética do MST: formação política entre campo e cidade [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/27/27154/tde-29062015-151022/