Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

A instrumentalização na formação de professores e o eclipse da formação cultural: a pseudoformação na licenciatura  (2015)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: AMADO, ANA CRISTINA DA SILVA - IP
  • USP Schools: IP
  • Subjects: FORMAÇÃO DE PROFESSORES; LICENCIATURA; CULTURA (FORMAÇÃO PROFISSIONAL)
  • Keywords: Cultural Formation; Formação cultural; Instrumentalização; Instrumentalization; Pseudo-Formation; Pseudoformação
  • Language: Português
  • Abstract: A formação de professores constitui-se como uma preocupação, especialmente pelo fato de ser um processo que forma formadores de outros. Neste âmbito, observa-se que os cursos de licenciatura têm feito parte de um extenso processo de expansão do ensino superior no Brasil, marcado essencialmente pelo aumento das instituições privadas e por condições que demonstram uma diminuição no tempo de formação, além da presença da racionalidade técnica na forma de valorização da instrumentalização dos alunos/futuros professores. Considerando os diversos olhares e críticas que geram extensa produção a respeito, não apenas a realidade política e seus resultados, mas compreende-se também a importância de verificar a visão dos atores presentes neste processo de formação. Na produção de conhecimento sobre a formação docente, diversos pontos são apontados, mas sempre por um olhar político diante da realidade institucional. Considerando também esta análise como importante e fundamentando-a no olhar da Teoria Crítica da Sociedade, especialmente na Teoria da Pseudoformação, buscou-se aqui apresentar questões a partir da visão de professores e alunos e a forma como estes consideram e avaliam a formação dos professores, nos cursos de licenciatura. Com o objetivo de discutir a formação e como ela ocorre nas diversas instituições, além de identificar a instrumentalização no âmbito educacional em geral e na formação de professores em particular, como uma oportunidade de compreender o contexto emdetrimento da formação cultural como possibilidade de emancipação, este trabalho foi realizado. As hipóteses deste estudo foram: 1) se a organização da educação, assim como a da cultura, passou a ser industrial (administrada), reduzindo o reconhecimento do caráter da contradição e da dialética, a formação deixou de ser formação para a resistência e converteu-se em pseudoformação; 2) a ideia de que no contexto educacional brasileiro os alunos das universidades públicas estão mais propensos a uma formação para a emancipação em virtude das condições objetivas que marcam seus cursos e todo seu processo de formação inicial; e 3) a própria legislação e as políticas educacionais interferem na formação. Neste sentido foram realizados, além do levantamento bibliográfico e revisão teórica, 46 entrevistas, sendo 30 com alunos de cursos de licenciatura em Geografia e História e 16 com professores dos mesmos cursos; destes, 11 alunos e 5 professores eram vinculados à instituição privada, 10 alunos e 6 professores à instituição pública e 9 alunos e 5 professores à instituição confessional. Foram realizadas estas entrevistas e organizadas as respostas em categorias definidas posteriormente. Conclui-se que a formação atual é caracterizada pela pseudoformação, em todas as instituições pesquisadas, tanto pelas condições objetivas que não permitem a experiência e a formação cultural quanto pela própria interferência institucional que tem favorecido a precarização. Os alunos das instituições,pública e confessional, pesquisadas têm a possibilidade da experiência, mas têm dificuldades de refletir sobre ela e acabam sacralizando a formação; enquanto que os alunos da instituição privada não têm acesso às possibilidades formativas e têm as condições de formação precarizadas e reduzidas
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 29.04.2015
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    IP12300055487T LB1715 A481i e.1
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      AMADO, Ana Cristina da Silva; CROCHIK, Jose Leon. A instrumentalização na formação de professores e o eclipse da formação cultural: a pseudoformação na licenciatura . 2015.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2015. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/47/47131/tde-14072015-082645/ >.
    • APA

      Amado, A. C. da S., & Crochik, J. L. (2015). A instrumentalização na formação de professores e o eclipse da formação cultural: a pseudoformação na licenciatura . Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/47/47131/tde-14072015-082645/
    • NLM

      Amado AC da S, Crochik JL. A instrumentalização na formação de professores e o eclipse da formação cultural: a pseudoformação na licenciatura  [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/47/47131/tde-14072015-082645/
    • Vancouver

      Amado AC da S, Crochik JL. A instrumentalização na formação de professores e o eclipse da formação cultural: a pseudoformação na licenciatura  [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/47/47131/tde-14072015-082645/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: