Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Programas municipais de coleta seletiva sem parceria com catadores de materiais recicláveis, no Estado de São Paulo (2015)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: REIS, THATIANA COSTA - FSP
  • USP Schools: FSP
  • Subjects: COLETA DE RESÍDUOS URBANOS (ASPECTOS AMBIENTAIS;ASPECTOS SOCIOECONÔMICOS;ASPECTOS INSTITUCIONAIS); SUSTENTABILIDADE; RECICLAGEM DE RESÍDUOS URBANOS; RESÍDUOS SÓLIDOS DOMÉSTICOS; PROGRAMA POLÍTICO; MUNICÍPIO
  • Keywords: Coleta Seletiva; Indicadores de Sustentabilidade; Municipal Program for Selective Collection; Municipal Solid Waste; Programas Municipais de Coleta Seletiva; Reciclagem; Recycling; Selective Collection; Sustainability Indicators
  • Language: Português
  • Abstract: Introdução - No Brasil, o Programa Municipal de Coleta Seletiva (PMCS) pode ser executado pelo próprio município, por empresa contratada ou em parceria com uma organização de catadores. Mais de 50 por cento dos PMCS no Estado de São Paulo é realizado por essas organizações. Logo, a maioria dos estudos foca-se nessas organizações, mas os municípios que não possuem parceria também precisam ser estudados. Objetivo - Analisar e avaliar PMCS realizados sem parceria com organização de catadores, na perspectiva de sustentabilidade socioeconômica, ambiental e institucional. Métodos - Para esse estudo, 7 municípios foram selecionados conforme os critérios porte do município e tempo de existência mínima de 2 anos do PMCS, a partir de dados do Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento e ligações telefônicas Os municípios estudados foram divididos em pequeno (4) e grande (3) porte. Os responsáveis pelo PMCS foram entrevistados, com base em questionário semiestruturado. Os resultados permitiram caracterizar os PMCS e alimentar 13 indicadores e 2 índices de sustentabilidade de PMCS. Resultados - Foram identificados 4 arranjos institucionais de execução dos PMCS, envolvendo a prefeitura municipal e empresa terceirizada. Os municípios de grande porte apresentam mais indicadores favoráveis à sustentabilidade que os de pequeno porte. A produtividade é maior nos de grande porte, mas a remuneração é melhor nos pequenos. Por outro lado, esses apresentam melhor taxa de recuperação, adesãoe atendimento e menor taxa de rejeito, o que eleva o índice de sustentabilidade. Para os 2 índices considerados, os municípios de pequeno porte são mais favoráveis à sustentabilidade que os de grande porte. Conclusões - Os municípios de pequeno porte apresentam maior tendência à sustentabilidade nos indicadores considerados mais importantes num PMCS sem parceria com organizações de catadores. Embora a Política Nacional de Resíduos Sólidos priorize PMCS em parceria com organização de catadores, arranjos sem parceria são possíveis e apresentam-se também sustentáveis na sustentabilidade da valorização de materiais recicláveis
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 28.08.2015
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FSP2727361-20
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      REIS, Thatiana Costa; GÜNTHER, Wanda Maria Risso. Programas municipais de coleta seletiva sem parceria com catadores de materiais recicláveis, no Estado de São Paulo. 2015.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2015. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/6/6134/tde-21092015-121312/ >.
    • APA

      Reis, T. C., & Günther, W. M. R. (2015). Programas municipais de coleta seletiva sem parceria com catadores de materiais recicláveis, no Estado de São Paulo. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/6/6134/tde-21092015-121312/
    • NLM

      Reis TC, Günther WMR. Programas municipais de coleta seletiva sem parceria com catadores de materiais recicláveis, no Estado de São Paulo [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/6/6134/tde-21092015-121312/
    • Vancouver

      Reis TC, Günther WMR. Programas municipais de coleta seletiva sem parceria com catadores de materiais recicláveis, no Estado de São Paulo [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/6/6134/tde-21092015-121312/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: