Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Caracterização molecular de Enterococcus spp. resistentes à vancomicina em amostras clínicas, ambientes aquáticos e alimentos (2015)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: SACRAMENTO, ANDREY GUIMARãES - FCF
  • USP Schools: FCF
  • Subjects: ENTEROCOCCUS; RESISTÊNCIA MICROBIANA ÀS DROGAS; TÉCNICAS E PROCEDIMENTOS DE LABORATÓRIO
  • Language: Português
  • Abstract: Enterococos são ubíquos no ambiente e fazem parte da microbiota do trato gastrintestinal de humanos e animais. A importância dessas bactérias tem sido associada com infecções hospitalares e resistência a múltiplas drogas, principalmente à vancomicina. O objetivo do presente estudo foi realizar a caracterização molecular de cepas de Enterococcus spp. resistentes à vancomicina (VRE) isoladas a partir de amostras coletadas de pacientes hospitalizados, água superficial de rios urbanos e carne de frango comercializada no Brasil. A presença do gene vanA foi confirmada em 20 cepas multirresitentes isoladas durante 1997-2011. Dentre os isolados VRE, 12 cepas foram identificadas como E. faecium e oito como E. faecalis. Cepas de E. faecium isoladas de amostras clínicas e águas foram classificadas como clonalmente relacionadas pelo PFGE, com perfil virulência predominante (´acmPOT.+´, ´espPOT.+´). Adicionalmente, enquanto cepas de E. faecium isoladas dos rios pertenceram aos ST203, ST412 e ST478 (previamente caracterizados como endêmicos em hospitais brasileiros), novos STs foram identificados entre as cepas de E. faecalis (ST614, ST615 e ST616) e E. faecium (ST953 e ST954) isoladas de alimentos. Sequências completas do transposon Tn1546 das cepas clínicas VREfm 320/07 (ST478) e ambiental VREfm 11 (ST412) mostraram Tn1546-like element de ~12800 pb, com um ponto de mutação no gene vanA na posição 7.698 (substituição do nucleotídeo T pelo C) e uma no gene vanX na posição 8.234 (G pelo T). Além disso, uma deleção na extremidade esquerda do Tn1546, e as sequências IS1251 e IS1216E na região intergênica vanHS e vanYX, respectivamente, também foram detectados. A este respeito, a IS1216E na região intergênica vanXY constitui um conjunto de genes previamente relatado em cepas clínicas de VREfm no Brasil, denotando uma característica regional. IS1216E tem sido associada com os genes tcrBe aadE que conferem resistência ao cobre e aminoglicosídeos, em E. faecium e Streptococcus agalactiae, respectivamente. Portanto, essa IS pode contribuir para a rápida aquisição de resistência antimicrobiana entre as espécies de cocos Gram-positivos clinicamente importantes. Os tipos de Tn1546 indistiguíveis que foram identificados no atual estudo isolados de humano e ambientes aquáticos sugerem uma comum partilha de um pool de genes de resistência à vancomicina
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 11.09.2015
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    CQ30100021933-FT 616.0756-9 S123c
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SACRAMENTO, Andrey Guimarães; MAMIZUKA, Elsa Masae. Caracterização molecular de Enterococcus spp. resistentes à vancomicina em amostras clínicas, ambientes aquáticos e alimentos. 2015.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2015. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9136/tde-09112015-155733/ >.
    • APA

      Sacramento, A. G., & Mamizuka, E. M. (2015). Caracterização molecular de Enterococcus spp. resistentes à vancomicina em amostras clínicas, ambientes aquáticos e alimentos. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9136/tde-09112015-155733/
    • NLM

      Sacramento AG, Mamizuka EM. Caracterização molecular de Enterococcus spp. resistentes à vancomicina em amostras clínicas, ambientes aquáticos e alimentos [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9136/tde-09112015-155733/
    • Vancouver

      Sacramento AG, Mamizuka EM. Caracterização molecular de Enterococcus spp. resistentes à vancomicina em amostras clínicas, ambientes aquáticos e alimentos [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9136/tde-09112015-155733/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: