Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Atitudes de estudantes universitários de nutrição em relação aos indivíduos obesos e à obesidade (2015)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: OBARA, ANGELICA ALMEIDA - FSP
  • USP Schools: FSP
  • Sigla do Departamento: HNT
  • Subjects: ATITUDES DO ESTUDANTE; OBESIDADE; PRECONCEITO; ESTUDANTES UNIVERSITÁRIOS; CONDUTAS TERAPÊUTICAS; ESTUDOS TRANSVERSAIS
  • Keywords: Atitude; Attitude; Nutricionista; Nutritionists; Obesity; Prejudice
  • Language: Português
  • Abstract: Introdução - Dentre as consequências da obesidade, estão questões psicológicas e sociais como o preconceito e a discriminação social, que trazem implicações negativas para a saúde do indivíduo obeso. As atitudes de profissionais da saúde em relação à obesidade podem ser influenciadas por visões negativas sobre os indivíduos obesos e as causas que o levaram a obesidade e podem influenciar a conduta profissional. Objetivo - Avaliar a existência de atitudes negativas em relação aos indivíduos obesos entre estudantes universitários de nutrição. Métodos - Estudo transversal descritivo, no qual estudantes de nutrição responderam instrumentos on-line no site do projeto Estudo de Saúde de Nutricionistas (NutriHS): a) avaliação sociodemográfica e do estado nutricional; b) escala de silhuetas brasileiras para avaliação de satisfação e percepção corporal; c) fatores de desenvolvimento da obesidade; d) Antifat Attitudes Test (AFAT) - adaptado transculturalmente para este estudo; e) avaliação da conduta terapêutica em relação ao paciente obeso. A frequência de resposta para os fatores de desenvolvimento da obesidade foi analisada, e seu escore comparado com a pontuação na AFAT total e subescalas, percepção e insatisfação corporal e Índice de Massa Corpórea (IMC) utilizando o coeficiente de correlação de Pearson. Escores na AFAT (total e subescalas) foram comparados entre os sexos, e associações entre os mesmos foram avaliadas com relação às variáveis sociodemográficas e decaracterização da amostra. Análises de regressão linear simples e múltipla foram utilizadas para avaliar a relação entre as características da amostra e as atitudes dos estudantes de nutrição. A comparação das respostas dos estudantes com relação à conduta terapêutica em relação ao paciente obeso foi conduzida por meio do Teste de Kruskal Wallis, seguido de Teste de Comparações Múltiplas das Médias 3 das Ordens. Resultados Participaram do estudo 335 alunos de nutrição (idade média 23 anos) de universidade/faculdades diversas, principalmente do 1º ano de graduação (40 por cento ), sexo feminino (94 por cento ), solteiros (87 por cento ), e com renda familiar entre 1 e 5 salários mínimos (62 por cento ). Houve elevado índice de insatisfação corporal - 54 por cento das mulheres 58 por cento dos homens - e percepção corporal alterada especialmente entre as mulheres (71 por cento ). Os principais fatores determinantes da obesidade listados foram: 1) Inatividade física; 2) Comer uma quantidade maior do que a necessária; 3) Alterações metabólico-hormonais; 4) Vício/dependência em comida; 5) Comer alimentos inadequados. A pontuação na AFAT total foi associada positivamente a idade e ao sexo masculino e negativamente ao IMC e o ano de graduação. As condutas terapêuticas dos estudantes foram influenciadas pelo peso do paciente hipotético e revelaram a presença de preconceito. Conclusões A respostas aos determinantes da obesidade demonstraram que os estudantes possuem crenças emfatores estigmatizadores do indivíduo obeso. As atitudes mais negativas em relação à obesidade foram encontradas para os homens e os estudantes mais velhos. E pode-se confirmar que o peso de um paciente hipotético influencia a conduta terapêutica sugerida pelo estudante, com atitudes negativas para com o indivíduo obeso. Os resultados indicam, portanto, que estes estudantes de nutrição atribuem causas comportamentais para a obesidade, pautam possível conduta terapêutica pelo peso do indivíduo (mesmo que a questão de saúde colocada não tenha relação direta com estado nutricional) e apresentam atitudes negativas e preconceito em relação aos indivíduos obesos
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 11.09.2015
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FSP2731915-30
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      OBARA, Angelica Almeida; ALVARENGA, Marle dos Santos. Atitudes de estudantes universitários de nutrição em relação aos indivíduos obesos e à obesidade. 2015.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2015. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/6/6138/tde-07102015-130804/ >.
    • APA

      Obara, A. A., & Alvarenga, M. dos S. (2015). Atitudes de estudantes universitários de nutrição em relação aos indivíduos obesos e à obesidade. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/6/6138/tde-07102015-130804/
    • NLM

      Obara AA, Alvarenga M dos S. Atitudes de estudantes universitários de nutrição em relação aos indivíduos obesos e à obesidade [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/6/6138/tde-07102015-130804/
    • Vancouver

      Obara AA, Alvarenga M dos S. Atitudes de estudantes universitários de nutrição em relação aos indivíduos obesos e à obesidade [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/6/6138/tde-07102015-130804/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: