Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Redes para a sustentabilidade: estudos de caso sobre o manejo dos resíduos sólidos no Brasil (2015)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: D\'AMICO, RODRIGO VILLA LOBOS - FEARP
  • USP Schools: FEARP
  • Subjects: RESÍDUOS SÓLIDOS (MANEJO); SUSTENTABILIDADE; DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL
  • Keywords: Cooperation networks; Networks; Redes; Redes de cooperação; Solid waste; Sustainability; Sustainable development
  • Language: Português
  • Abstract: O meio ambiente tem sido pressionado nos últimos anos, dado o padrão de desenvolvimento econômico de uma sociedade essencialmente urbana e consumista. A concentração populacional, processos produtivos ineficientes, pouca durabilidade dos produtos industrializados e o padrão de consumo são responsáveis pela geração de uma grande quantidade de resíduos. A sua destinação de forma não sustentável pode ocasionar diversos problemas, como contaminação do meio ambiente e proliferação de doenças. No Brasil o desafio se mostra grande: nos últimos anos observou-se um aumento na geração de resíduos e a rede de coleta e reciclagem ainda não atinge todas as cidades. Apesar de aprovada a Política Nacional de Resíduos Sólidos, o país ainda precisa avançar na questão do manejo correto dos resíduos sólidos. Este é um desafio não só do poder público, mas também da indústria brasileira. As empresas, além da necessidade de se adequar à legislação, precisam orientar suas ações para o desenvolvimento sustentável, dada as pressões ambientais, sociais e de mercado. Para diferentes adversidades, organizações podem se articular em redes, aproveitando as competências de cada um dos participantes para superar barreiras e desafios. O presente trabalho busca apresentar casos no Brasil de empresas que se articularam em redes para o manejo e aproveitamento sustentável de resíduos sólidos. Para tal, foi elaborada uma pesquisa exploratória qualitativa que analisou dois estudos de caso. Como resultado foramapresentados práticas e arranjos em rede que corroboram afirmações dos benefícios de se trabalhar articuladamente desta forma. Conclui-se que a organização em redes pode trazer diversos benefícios, inclusive para o manejo de resíduos sólidos e para o desenvolvimento sustentável
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 21.08.2015
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FEARP20700018964D'Amico, Rodrigo Villa Lobos
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      D'AMICO, Rodrigo Villa Lobos; CALIA, Rogerio Ceravolo. Redes para a sustentabilidade: estudos de caso sobre o manejo dos resíduos sólidos no Brasil. 2015.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2015. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/96/96132/tde-23102015-111912/ >.
    • APA

      D'Amico, R. V. L., & Calia, R. C. (2015). Redes para a sustentabilidade: estudos de caso sobre o manejo dos resíduos sólidos no Brasil. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/96/96132/tde-23102015-111912/
    • NLM

      D'Amico RVL, Calia RC. Redes para a sustentabilidade: estudos de caso sobre o manejo dos resíduos sólidos no Brasil [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/96/96132/tde-23102015-111912/
    • Vancouver

      D'Amico RVL, Calia RC. Redes para a sustentabilidade: estudos de caso sobre o manejo dos resíduos sólidos no Brasil [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/96/96132/tde-23102015-111912/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: