Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Dos terreiros ao Hip-Hop: às voltas com os ancestrais (2015)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: PUTTINI, MARCOS VINICIUS - FE
  • USP Schools: FE
  • Subjects: ADOLESCENTES; HIP HOP; ANCESTRAIS; ÁFRICA; EDUCAÇÃO
  • Keywords: Adolescentes; Africa; África; Ancestralidade; Ancestry; Educação; Education; Hip Hop; Hip-hop; Teenagers
  • Language: Português
  • Abstract: Esta dissertação de mestrado é uma reflexão sobre uma pesquisa educacional de campo que contemplou o hip-hop como cultura juvenil e cujo objetivo era construir fazeres educacionais que se valem do hip-hop. O texto discute a experiência educacional que teve lugar na organização não governamental Casa do Zezinho, no extremo sul da cidade de São Paulo. A instituição oferecia oficinas de hip-hop a jovens de ambos os sexos, entre 13 e 17 anos e regularmente matriculados na rede pública, e minha intervenção se deu nesse contexto, em parceria com a professora de hip-hop. Descrevo o itinerário da pesquisa contemplando aspectos institucionais, subjetivos e de articulação do projeto durante sua realização. Minha intervenção consistiu em exercícios e atividades de natureza cultural como a produção de textos, grafitti e coreografias matizados pela motivação e pelo despertar de uma consciência crítica, artística e, principalmente, de pertença à ancestralidade africana, arrancada de suas raízes pelo processo histórico escravagista colonial cujos resquícios perduram até hoje, em parceria com a professora de hip-hop da Instituição. Os exercícios visavam sobretudo conectar esses jovens com sua ancestralidade perdida, pois pensamos o hip-hop como cultura juvenil legítima e procuramos valorizá-lo como percurso educacional, inclusive a jornada heroica que se narra em suas letras, análoga à dos jovens em seu cotidiano e à minha própria como pesquisador. No processo de construção das oficinas,consubstanciou-se a presença da religiosidade africana, de sua arte e de seu pensamento, traduzidos e atualizados pela cultura hip-hop. O resultado foi um percurso formativo que se valeu de uma cultura juvenil praticada principalmente por jovens pobres das periferias do Brasil e, compartilhando essa experiência, procurou-se resgatar a autoestima desses jovens e favorecer a integração social e geracional de membros das comunidades
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 24.09.2015
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FE2733793-10T 376.7 P993d
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      PUTTINI, Marcos Vinicius; ALMEIDA, Rogério de. Dos terreiros ao Hip-Hop: às voltas com os ancestrais. 2015.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2015. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-18112015-133506/ >.
    • APA

      Puttini, M. V., & Almeida, R. de. (2015). Dos terreiros ao Hip-Hop: às voltas com os ancestrais. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-18112015-133506/
    • NLM

      Puttini MV, Almeida R de. Dos terreiros ao Hip-Hop: às voltas com os ancestrais [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-18112015-133506/
    • Vancouver

      Puttini MV, Almeida R de. Dos terreiros ao Hip-Hop: às voltas com os ancestrais [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-18112015-133506/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: