Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Confiabilidade e validade do dinamômetro manual Lafayette® para uso clínico na fisioterapia (2015)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: SILVA, JANAINA RODRIGUES DA - FMRP
  • USP Schools: FMRP
  • Subjects: DINAMÔMETROS (CONFIABILIDADE); FORÇA MUSCULAR; JOELHO; QUADRIL
  • Language: Português
  • Abstract: Introdução: O dinamômetro manual estabilizado com faixa tem sido utilizado na avaliação de força de grupos musculares do joelho e quadril. No entanto, poucos estudos analisaram sua confiabilidade e validade nestes músculos. Objetivos: Avaliar a confiabilidade intra-examinador do dinamômetro manual estabilizado com faixa e sua validade e concordância em relação ao dinamômetro isocinético nas avaliações de força dos grupos musculares do joelho e quadril. Métodos: Vinte e seis voluntários saudáveis (13 homens, 13 mulheres; idade 23,5 ± 2,8 anos; altura 1,69 ± 0,1 cm; massa de 68,6 ± 12,4kg) foram avaliados em duas sessões pelo dinamômetro manual estabilizado com faixa e pelo dinamômetro isocinético Biodex® para força máxima dos músculos adutores, abdutores, flexores, extensores, roladores externos e roladores internos de quadril, flexores e extensores de joelho. Valores de confiabilidade foram obtidas pelo Coeficiente de Correlação Intraclasse (ICC2,3), o Erro Padrão da Medida (EPM e % EPM) e a Mínima Mudança Detectável (MMD), valores de correlação entre o dinamômetro manual estabilizado com faixa e o isocinético foram obtidos pelo Coeficiente de Correlação de Pearson (r) e valores de diferença média entre os dois instrumentos obtidas pelo método Bland-Altman. Resultados: A confiabilidade intra-examinador do dinamômetro manual foi excelente para maioria dos movimentos variando de 0.80-0.96 (EPM = 1,3kgf - 5,3Kgf; % EPM = 7% a 22%; MMD = 3,6Kgf - 18,8Kgf), sendo moderada apenas para flexão de joelho bilateral e rotação interna de quadril esquerdo (ICC = 0,62-0,70). A correlação com o isocinético foi de moderada a alta (r = 0,58 a 0,90), mas os valores absolutos pelo método Bland-Altman não demonstram concordância entre os resultados. Conclusão: O dinamômetro manualestabilizado por faixa é confiável e válido para avaliações da força de grupos musculares do quadril e joelho, mas seus valores de força não concordam com os do isocinético
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 27.11.2015

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FMRP11200067937Silva, Janaina Rodrigues da
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SILVA, Janaina Rodrigues da; GROSSI, Débora Bevilaqua. Confiabilidade e validade do dinamômetro manual Lafayette® para uso clínico na fisioterapia. 2015.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2015.
    • APA

      Silva, J. R. da, & Grossi, D. B. (2015). Confiabilidade e validade do dinamômetro manual Lafayette® para uso clínico na fisioterapia. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Silva JR da, Grossi DB. Confiabilidade e validade do dinamômetro manual Lafayette® para uso clínico na fisioterapia. 2015 ;
    • Vancouver

      Silva JR da, Grossi DB. Confiabilidade e validade do dinamômetro manual Lafayette® para uso clínico na fisioterapia. 2015 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: