Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Em terras de você o natural é misturar pronomes de segunda pessoa do singular: estudos dos pronomes 'tu' e 'você' no português popular do Brasil (2015)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: SILVA, IVANILDE DA - FFLCH
  • USP Schools: FFLCH
  • Sigla do Departamento: FLC
  • Subjects: PORTUGUÊS DO BRASIL; GRAMÁTICA; PRONOME
  • Keywords: Comunidades de prática; Entrevistas sociolinguísticas semidirigidas; Interfaces teórico-metodológicas; Interfaces theoretical and methodological; Mistura pronominal você/tu; Mixing pronominal você/tu; Practice communities; Semi Directed Sociolinguistics Interviews (SDSLIs)
  • Language: Português
  • Abstract: A presente pesquisa tem como objetivos estudar e descrever o comportamento variável dos pronomes das séries TU e VOCÊ no Português Brasileiro Popular (PBPOP) falado em três Comunidades de Prática (CsPrát., ECKERT, 2012), localizadas em São José dos Campos (SJC-SP). Para levantar e descrever as variantes em questão, propus como método reunir um, dois, três ou mais falantes para entrevistar, constituindo, desse modo, molduras discursivas distintas (GOFFMAN [1974] 2012). Com base em Moreno Fernández (2012), analisei 37 Entrevistas Sociolinguísticas Semidirigidas (ESSDs) nas quais 66 falantes foram considerados e distribuídos em suas respectivas CsPrát. Essas CsPrát. foram classificadas em níveis de formalidade. Os entrevistados foram distribuídos em três faixas etárias, dois níveis de escolaridade, sexo (masculino e feminino) e procedência, como sugere a literatura laboviana; assim, essa pesquisa baseia-se na perspectiva variacionista, utilizada para descrever variação e mudança linguísticas, com o uso do pacote estatístico Goldvarb X. Além disto, interfaces teórico-metodológicas foram mobilizadas para embasar descrições, percepções, contextos linguísticos e sociais que poderiam ou não condicionar o uso das variantes quanto ao fenômeno "mistura pronominal" na fala popular de SJC-SP. Os resultados apontam a seguinte rota linguística: o uso dos pronomes das séries você e tu está deixando de ser variável, marcando os populares considerados como falantes que "misturam" pronomes porconsequência de construtos sociais. Assim, em linhas gerais, no PB, "misturar" velhas e novas formas pronomianais faz parte do comportamento linguístico de certas Comunidades de Fala.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 30.09.2015
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FFLCH2747596-20T13750N
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SILVA, Ivanilde da; RODRIGUES, Angela Cecilia de Souza. Em terras de você o natural é misturar pronomes de segunda pessoa do singular: estudos dos pronomes 'tu' e 'você' no português popular do Brasil. 2015.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2015. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8142/tde-22122015-095409/ >.
    • APA

      Silva, I. da, & Rodrigues, A. C. de S. (2015). Em terras de você o natural é misturar pronomes de segunda pessoa do singular: estudos dos pronomes 'tu' e 'você' no português popular do Brasil. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8142/tde-22122015-095409/
    • NLM

      Silva I da, Rodrigues AC de S. Em terras de você o natural é misturar pronomes de segunda pessoa do singular: estudos dos pronomes 'tu' e 'você' no português popular do Brasil [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8142/tde-22122015-095409/
    • Vancouver

      Silva I da, Rodrigues AC de S. Em terras de você o natural é misturar pronomes de segunda pessoa do singular: estudos dos pronomes 'tu' e 'você' no português popular do Brasil [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8142/tde-22122015-095409/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: