Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Estudo da etiopatogenia do vírus da raiva utilizando um modelo murino de neuroinfecção (2015)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: GAMON, THAíS HELENA MARTINS - FMVZ
  • USP Schools: FMVZ
  • Subjects: IMUNOHISTOQUÍMICA; VÍRUS DA RAIVA; ZOONOSES
  • Keywords: Fixed virus CVS/31; Immunohistochemistry (IHC); Neuroinvasiveness; Neuroinvasividade; Neurovirulence; Neurovirulência; Street viral variants; Variantes virais de rua; Vírus fixo CVS/31
  • Language: Português
  • Abstract: A raiva é uma zoonose quase sempre fatal, que causa milhares de mortes humanas por ano em todo mundo. Essa enfermidade manifesta-se nos mamíferos em duas formas clínicas: furiosa e paralítica. Distinções em relação à evolução, manifestações clínicas, lesões, distribuição e respectiva carga viral no Sistema Nervoso Central (SNC) podem estar relacionadas às características de neuroinvasividade e neuropatogenicidade das diferentes variantes do vírus da raiva (RABV). O objetivo deste projeto foi estabelecer um modelo para o estudo da patogênese da raiva em camundongos inoculados com vírus fixo CVS/31 e variantes de rua do RABV originárias de bovino (variante 3 compatível com isolados de morcegos hematófagos) e de canídeo silvestre (variante compatível com isolados de canídeo silvestre). Para estabelecer o modelo murino, 24 camundongos isogênicos da linhagem BALB/c, de três semanas de idade foram inoculados com 103 DLIC50/0,03mL por via intracerebral (IC) para confirmar a neurovirulência das diferentes variantes do RABV. De modo concomitante, 32 camundongos desta mesma linhagem e faixa etária, foram inoculados com 105 DLIC50/0,03mL pela via coxim plantar (CP) com o intuito de mimetizar a progressão da infecção natural. Para o estudo da patogênese do RABV foram analisados durante um período de trinta dias após a inoculação (DPI) em camundongos pela via CP os seguintes parâmetros: manifestações clínicas, alterações histopatológicas, distribuição antigênica viral pela técnica deimuno-histoquímica (IHQ) e distribuição de RNA viral pela técnica da reação em cadeia da polimerase em tempo real precedida pela transcrição reversa (RT-qPCR) - sistema SYBR Green em diversos segmentos do SNC. Todos os camundongos inoculados com as três amostras do RABV apresentaram sintomas compatíveis com a forma paralítica da doença, tais como: piloereção, perda de peso, postura arqueada, prostração e paresia dos membros posteriores. Apesar de não ser possível observar diferenças de neuropatogenicidade entre as variantes virais, detectaram-se diversidade de virulência entre essas estirpes, demonstrado pelas distinções de período de incubação e taxa de letalidade. Ao analisar os resultados, também foi possível observar diferenças entre a neurovirulência e a neuroinvasividade das diferentes variantes do RABV. Nos camundongos inoculados com CVS/31 pela via CP, no 6º DPI, observaram-se predomínio de manguitos perivasculares na medula espinhal e degeneração neuronal em córtex e intensa distribuição antigênica de RABV no tronco encefálico. Nos camundongos inoculados via CP com amostras do RABV originárias de bovino, no 8º DPI, apresentaram moderada distribuição de manguitos perivasculares na medula e córtex e intensa distribuição antigênica no tálamo. Já nos animais inoculados com a amostra de canídeo silvestre, no 9º DPI, relataram-se moderada distribuição de manguitos perivasculares no tronco encefálico e moderada distribuição antigênica no córtex. Além disso,foi observado discrepâncias na comparação entre a intensidade e distribuição de marcações antigênicas pela IHQ e inferência semi-quantitativa de distribuição de RNA viral analisada pelo RT-qPCR-sistema SYBR Green no SNC de camundongos
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 13.07.2015
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FMVZ11300083293T.3151 FMVZ
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      GAMON, Thaís Helena Martins; MORI, Enio. Estudo da etiopatogenia do vírus da raiva utilizando um modelo murino de neuroinfecção. 2015.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2015. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10133/tde-16092015-123105/ >.
    • APA

      Gamon, T. H. M., & Mori, E. (2015). Estudo da etiopatogenia do vírus da raiva utilizando um modelo murino de neuroinfecção. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10133/tde-16092015-123105/
    • NLM

      Gamon THM, Mori E. Estudo da etiopatogenia do vírus da raiva utilizando um modelo murino de neuroinfecção [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10133/tde-16092015-123105/
    • Vancouver

      Gamon THM, Mori E. Estudo da etiopatogenia do vírus da raiva utilizando um modelo murino de neuroinfecção [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10133/tde-16092015-123105/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: