Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Avaliação da estabilidade articular do joelho na reconstrução anatômica do ligamento cruzado anterior nas posições central e anteromedial em cadáveres: estudo randomizado (2016)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: FERNANDES, TIAGO LAZZARETTI - FM
  • USP Schools: FM
  • Sigla do Departamento: MOT
  • Subjects: LIGAMENTOS ARTICULARES; LIGAMENTO CRUZADO ANTERIOR; PROCEDIMENTOS CIRÚRGICOS RECONSTRUTIVOS; CINEMÁTICA; BIOMECÂNICA; CADÁVER; TOMOGRAFIA COMPUTADORIZADA DE EMISSÃO; ESTUDOS RANDOMIZADOS
  • Keywords: Anterior cruciate ligament reconstruction; Anterior cruciate ligament; Kinesiology; Knee ligaments; Ligamento cruzado anterior; Ligamentos do joelho; Navigation systems; Three-dimensional computer tomography
  • Language: Português
  • Abstract: INTRODUÇÃO: A localização ideal dos túneis do enxerto para a reconstrução do ligamento cruzado anterior (LCA) está na área da impressão original do ligamento. Entretanto, há pacientes que mesmo após a reconstrução anatômica do LCA se queixam de falseio. O objetivo do presente estudo foi comparar a estabilidade do joelho com túneis em duas posições diferentes da área de impressão original do LCA. MÉTODOS: Trinta reconstruções anatômicas do LCA foram realizadas em 15 joelhos de cadáver, com preservação do quadril até o tornozelo. Não foram criadas lesões para intensificar a instabilidade do joelho. O protocolo possuía quatro grupos: (1) LCA intacto, (2) deficiência completa e isolada do LCA, (3) reconstrução do LCA na posição anteromedial (AM REC) e (4) central (C REC) da impressão original do ligamento (ordem randômica). A estabilidade do joelho foi testada pelo teste de Lachman (68 N) e pelo teste do \"pivot shift\" mecanizado (CPM de 0° a 55° + valgo e rotação interna de 20 Nm) e avaliada por sistema óptico de navegação e tomografia 3D. A descrição da cinemática do joelho com 6 graus de liberdade foi realizada por sistema de coordenadas com eixo no centro geométrico dos côndilos. Estatística: rotação interna (°) e translação anterior (mm) foram avaliados nos testes do "pivot shift" e Lachman com 2 e 1- way RM ANOVA, respectivamente (alfa < 0,05). RESULTADOS: O grupo C REC em comparação com o grupo AM REC apresentou menor rotação interna nos testes do "pivot shift" (0,6°± 0,3° vs. 1,8° ± 0,3°, respectivamente, P < 0,05) e de Lachman (2,9° ± 0,4° vs. 3,9° ± 0,4°, respectivamente, P < 0,05) e não apresentou diferença com relação à translação anterior nos mesmos testes do "pivot shift" (4,7 mm ± 0,4 mm vs. 4,5 mm ± 0,4 mm, respectivamente, P > 0,05) e de Lachman (1,2 mm ± 0,2 mm vs. 1,1 mm ± 0,2 mm, respectivamente, P > 0,05). Os grupos C REC e AM REC não mostraram diferença quando comparados ao grupo LCA intacto no teste de Lachman para translação anterior (2,1 mm ± 0,5 mm) e rotação interna (3,0° ± 0,5°) (para ambos, P > 0,05) e mostraram diferença no teste do "pivot shift" (6,4 mm ± 0,4 mm e 5,6° ± 0,3°, respectivamente, P < 0.05). DISCUSSÃO: Este foi o primeiro estudo a demonstrar alterações da cinemática do joelho em cadáveres com todo o membro preservado e sem lesões associadas para aumentar a instabilidade do joelho, na sequência completa dos experimentos (LCA intacto, lesionado e após as reconstruções anatômicas) com o aparelho de "pivot shift" mecanizado. CONCLUSÃO: A reconstrução anatômica do LCA na posição central permitiu uma maior restrição da rotação interna do joelho, em comparação à reconstrução anatômica anteromedial, quando submetida aos testes do "pivot shift" mecanizado e de Lachman. Tanto a AM REC quanto a C REC permitiram restabelecer a translação anterior do joelho próximo àquela função do LCA original
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 28.09.2016

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FM2794230-10W4.DB8^SP.USP^FM-2^F398av^2016
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      FERNANDES, Tiago Lazzaretti; HERNANDEZ, Arnaldo Jose. Avaliação da estabilidade articular do joelho na reconstrução anatômica do ligamento cruzado anterior nas posições central e anteromedial em cadáveres: estudo randomizado. 2016.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2016. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5140/tde-06122016-110056/ >.
    • APA

      Fernandes, T. L., & Hernandez, A. J. (2016). Avaliação da estabilidade articular do joelho na reconstrução anatômica do ligamento cruzado anterior nas posições central e anteromedial em cadáveres: estudo randomizado. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5140/tde-06122016-110056/
    • NLM

      Fernandes TL, Hernandez AJ. Avaliação da estabilidade articular do joelho na reconstrução anatômica do ligamento cruzado anterior nas posições central e anteromedial em cadáveres: estudo randomizado [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5140/tde-06122016-110056/
    • Vancouver

      Fernandes TL, Hernandez AJ. Avaliação da estabilidade articular do joelho na reconstrução anatômica do ligamento cruzado anterior nas posições central e anteromedial em cadáveres: estudo randomizado [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5140/tde-06122016-110056/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2019