Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Telessaúde e Fonoaudiologia: análise de um programa de capacitação em síndromes genéticas em dois estados brasileiros (2012)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: MAXIMINO, LUCIANA PAULA - FOB
  • USP Schools: FOB
  • Sigla do Departamento: BAF
  • Subjects: TELEMEDICINA; EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA; GENÉTICA
  • Language: Português
  • Abstract: Considerando a alta ocorrência de anomalias genéticas no Brasil e as manifestações fonoaudiológicas associadas a estas condições, o desenvolvimento de ações educativas que englobem estas afecções podem trazer benefícios singulares na identificação e tratamento adequado destes quadros. Neste contexto, a prática da telessaúde em Fonoaudiologia torna-se uma alternativa viável. O objetivo deste estudo foi desenvolver e analisar um programa de capacitação em síndromes genéticas para alunos do ensino fundamental aplicados em dois estados brasileiros, utilizando um modelo de Teleducação Interativa. O estudo foi realizado em 4 escolas, sendo duas do estado de São Paulo, e duas do estado do Amazonas. A amostra foi constituída por 45 alunos, de ambos os gêneros, na faixa etária entre 13 e 14 anos, do 9° ano do ensino fundamental da rede pública e privada, distribuídos em 21 do grupo São Paulo (GSP) e 24 do Amazonas (GAM). O programa de capacitação teve duração de 3 meses e foi dividido em duas etapas englobando atividades presencial e a distância. A atividade presencial foi realizada separadamente em cada escola, com a apresentação de aulas expositivas. Na atividade a distância, o conteúdo educacional foi apresentado aos alunos por meio da Teleducação Interativa. Nesta etapa, os alunos tiveram acesso ao Cybertutor, com a metodologia do Projeto Jovem Doutor. Para mensurar a efetividade do programa de capacitação, aplicaram-se os seguintes instrumentos: questionário Situação Problema (QSP), Escala Lickert de Atitudes Sociais em Relação à Inclusão (ELASI) e Ficha de Pesquisa Motivacional (FPM). O programa de capacitação desenvolvido foi efetivo quanto a aquisição do conhecimento em 80% dos grupos avaliadosQuanto aos resultados da ELASI o programa de capacitação desenvolvido proporcionou atitudes mais favoráveis em relação à inclusão de indivíduos com síndromes genéticas em ambos os grupos. A FPM mostrou alto índice satisfação dos participantes em relação à Teleducação Interativa, avaliando o programa como "Impressionante". Não foram observadas diferenças estatisticamente significativas entre os grupos quanto ao tipo de escola, nem ao estado avaliado. Os resultados permitem a conclusão de que o programa desenvolvido possa ser utilizado como ferramenta efetiva para a capacitação em síndromes genéticas de outras populações, nas mais diversas regiões do país
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 28.06.2012

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FOB2802032-10M45t
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MAXIMINO, Luciana Paula. Telessaúde e Fonoaudiologia: análise de um programa de capacitação em síndromes genéticas em dois estados brasileiros. 2012.Universidade de São Paulo, Bauru, 2012.
    • APA

      Maximino, L. P. (2012). Telessaúde e Fonoaudiologia: análise de um programa de capacitação em síndromes genéticas em dois estados brasileiros. Universidade de São Paulo, Bauru.
    • NLM

      Maximino LP. Telessaúde e Fonoaudiologia: análise de um programa de capacitação em síndromes genéticas em dois estados brasileiros. 2012 ;
    • Vancouver

      Maximino LP. Telessaúde e Fonoaudiologia: análise de um programa de capacitação em síndromes genéticas em dois estados brasileiros. 2012 ;