Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Digestibilidade, produtos da fermentação e compostos voláteis nas fezes de cães Bulldog francês alimentados com diferentes fontes proteicas (2017)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: URREGO, MARIA ISABEL GONZALEZ - FZEA
  • USP Schools: FZEA
  • Sigla do Departamento: ZAZ
  • Subjects: CÃO BULLDOG FRANCÊS; COMPOSTOS ORGÂNICOS; PROTEÍNAS
  • Keywords: Compostos orgânicos voláteis; Glúten de trigo; Odor; Odor; Volatile Organic Compounds; Wheat Gluten
  • Language: Português
  • Abstract: Benefícios na fermentação microbiana no cólon e as flatulências, em cães da raça Bulldog Francês, podem ser promovidos mediante mudanças nas quantidades e fontes proteicas da dieta. Este estudo avaliou os efeitos da inclusão de diferentes fontes de proteína em alimento seco para cães Bulldog Francês sobre a fermentação microbiana, a absorção de nutrientes e mudanças nas emissões dos componentes orgânicos voláteis mais prevalentes, ademais comparou os resultados com a técnica de teste sensorial. Quatro dietas de manutenção para cães adultos foram formuladas: T0, dieta com farinha de vísceras de frango; T1, dieta com glúten de trigo; T2, dieta com farinha de vísceras de frango e glúten de trigo; e T3, dieta com vísceras de frango, glúten de trigo e proteína hidrolisada. Foram utilizados oito cães da raça Bulldog Francês, com peso corporal médio de 11,3 ± 0,21 kg e 2,7 ± 0,74 anos de idade, distribuidos num delineamento em quadrado latino 4x4 e adaptados às dietas durante 20 dias. Fezes frescas foram coletadas para análise de digestibilidade aparente dos nutrientes, escore, ácidos graxos voláteis, pH, aminas biogênicas, compostos orgânicos voláteis, lactato, amônia, e análise sensorial. Não houve efeitos adversos nos animais. As médias foram comparadas por meio de contrastes pelo PROC MIXED do SAS, adotando um nível de significância de 5% (P≤0,05). Os animais que foram alimentados com as dietas T1 e T2 apresentaram maior digestibilidade da matéria seca (P<0,05), matériaorgânica (P<0,05), proteína bruta (P<0,001) e menor produção de fezes (P<0,02). Foi observada menor ingestão da fibra bruta nos animais alimentados com a dieta T0 (P<0,001). As dietas T1, T2 e T3 resultaram em menor escore e pH fecal (P<0,05). Ao respeito aos compostos orgânicos voláteis, foi observada diferença estatística em dois dos 68 compostos observados, as fezes dos animais alimentados com dieta T0 e T1 apresentaram maior presença dos compostos fenol (P=0,04) e indol (P=0,01), respectivamente. O tratamento T0 apresentou maior percepção de odor durante a avaliação sensorial (P=0,01). Não houve efeito das dietas nos produtos finais de fermentação. O uso complementar da proteína animal com a vegetal melhoraram a digestibilidade da proteína bruta, e em consequência, reduziram a percepção do mal odor das fezes de cães Bulldogs Francês. Mais estudos são necessários para entender a associação dos níveis de percepção de odor com as mudanças dos compostos orgânicos voláteis
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 17.03.2017
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FZEA11400026625T.1333
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      URREGO, Maria Isabel Gonzalez; ARAÚJO, Lúcio Francelino. Digestibilidade, produtos da fermentação e compostos voláteis nas fezes de cães Bulldog francês alimentados com diferentes fontes proteicas. 2017.Universidade de São Paulo, Pirassununga, 2017. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/74/74131/tde-18042017-134924/ >.
    • APA

      Urrego, M. I. G., & Araújo, L. F. (2017). Digestibilidade, produtos da fermentação e compostos voláteis nas fezes de cães Bulldog francês alimentados com diferentes fontes proteicas. Universidade de São Paulo, Pirassununga. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/74/74131/tde-18042017-134924/
    • NLM

      Urrego MIG, Araújo LF. Digestibilidade, produtos da fermentação e compostos voláteis nas fezes de cães Bulldog francês alimentados com diferentes fontes proteicas [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/74/74131/tde-18042017-134924/
    • Vancouver

      Urrego MIG, Araújo LF. Digestibilidade, produtos da fermentação e compostos voláteis nas fezes de cães Bulldog francês alimentados com diferentes fontes proteicas [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/74/74131/tde-18042017-134924/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: