Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Desenvolvimento de testes rápidos imunocromatográficos para detecção de cinomose canina (2017)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: POSTIGO, JULIA PEREIRA - IQSC
  • USP Schools: IQSC
  • Subjects: CINOMOSE; CÃES; DIAGNÓSTICO
  • Language: Português
  • Abstract: A cinomose canina, causada pelo vírus Canine Distemper (CDV), é uma doença de grande importância não só no Brasil como no mundo. Isto se deve principalmente à sua vasta ocorrência, facilitada pelo tipo de transmissão que pode ser por contato com secreções respiratórias, oculares, por fezes e urina. Detectar rapidamente o vírus em animais contaminados é de extrema importância para que o controle aconteça de forma rápida e adequada, evitando o agravamento da doença, a disseminação e o aumento da mortalidade. O presente trabalho teve por objetivo desenvolver uma plataforma diagnóstica imunocromatográfica que possibilite a detecção rápida de biomoléculas relacionadas com esta doença. Os testes imunocromatográficos são por natureza plataformas de baixo custo e que fornecem resultados rápidos sem a necessidade de equipamentos para a interpretação. Essas plataformas são compostas por regiões diferentes de papéis ou membranas, constituídos de fibra de vidro (sample pad e conjugate pad), material celulósico (sample pad e absorbent pad) e nitrocelulose (região de detecção). Nesse trabalho, com o intuído de diminuir ainda mais o custo da plataforma, foi avaliada a possibilidade de substituição das diferentes regiões somente pelo do papel de filtro Whatman nº 1. Para isso, foi necessário a otimização de diversos reagentes e tratamentos que fossem capazes de modificar a estrutura do papel, deixando-o mais reativo frente às proteínas imobilizadas na região de detecção, como o periodato de sódio, divinilsulfona e tampão carbonato; e menos reativos, quando utilizado em outras regiões. Antes de iniciar os ensaios com o papel, os anticorpos foram avaliados por immunoblotting para verificar o funcionamento dos mesmos, em relação à sensibilidade e especificidadeApós a avaliação, os anticorpos foram imobilizados com sucesso no papel de filtro através do uso de tampão carbonado como reagente sensibilizador da celulose, levando à construção das regiões teste e controle. No conjugate pad o tratamento mais eficiente foi com a utilização de 5% de sacarose, 1% de BSA e 0,5% de Tween-20 em PBS, que garantiu a liberação satisfatória dos conjugados para a região de detecção
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 24.03.2017
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    IQSC30800040214T2990R
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      POSTIGO, Julia Pereira; CARRILHO, Emanuel. Desenvolvimento de testes rápidos imunocromatográficos para detecção de cinomose canina. 2017.Universidade de São Paulo, São Carlos, 2017. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/75/75135/tde-14062017-101449/publico/JuliaPereiraPostigorevisada.pdf >.
    • APA

      Postigo, J. P., & Carrilho, E. (2017). Desenvolvimento de testes rápidos imunocromatográficos para detecção de cinomose canina. Universidade de São Paulo, São Carlos. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/75/75135/tde-14062017-101449/publico/JuliaPereiraPostigorevisada.pdf
    • NLM

      Postigo JP, Carrilho E. Desenvolvimento de testes rápidos imunocromatográficos para detecção de cinomose canina [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/75/75135/tde-14062017-101449/publico/JuliaPereiraPostigorevisada.pdf
    • Vancouver

      Postigo JP, Carrilho E. Desenvolvimento de testes rápidos imunocromatográficos para detecção de cinomose canina [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/75/75135/tde-14062017-101449/publico/JuliaPereiraPostigorevisada.pdf

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: