Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Escrita de narrativas: fundamentos teóricos para a (re)significação de seu ensino (2017)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: SOUZA, MARIA CELESTE DE - FE
  • USP Schools: FE
  • Subjects: ENSINO; ESCRITA; NARRATIVA
  • Keywords: Ensino; Escrita; Narrativa; Narrative; Teaching; Writing
  • Language: Português
  • Abstract: Esta dissertação expõe os resultados da pesquisa realizada acerca da problemática da finalidade e da significação inerente ao ensino de redação de narrativas; atividade de linguagem comum aos cursos de Língua Portuguesa do ensino básico a partir do sexto ano do nível fundamental até a terceira série do nível médio, ministrados, obrigatoriamente, por professores formados e licenciados em Letras/Português. O ponto de partida para a pesquisa foi o reconhecimento de que a escrita de narrativas na escola ainda se encontra entre as atividades de menor relevância, visto que esse tipo de texto não é cobrado em exames vestibulares e nem faz parte da produção de conhecimento científico. Tanto quanto acontece com os conhecimentos artísticos em geral, o ensino de narrativas é tratado como um exercício de criatividade, de expressão subjetiva e, por conseguinte, pouco adequado ao trabalho de formação racional e política que a escola deve desenvolver. Em síntese, tudo indica que as atividades de escrita de narrativas podem ser prazerosas, mas não produzem conhecimento relevante do mundo. Considerando que o ensino de narrativa, particularmente da escrita desse tipo de texto, pode produzir conhecimentos significativos caso essa prática esteja adequadamente fundamentada em teorias apropriadas à compreensão da narrativa como fenômeno literário, mas também como modo do discurso historiográfico e de outros discursos das ciências humanas, decidiu-se realizar um estudo exploratório da relaçãoentre ação de linguagem e narratividade estabelecida pela Hermenêutica de Paul Ricoeur, visando a encontrar fundamentos possíveis às significações intencionais a serem objetivadas com o ensino de redação de narrativas, considerando como hipóteses: a) a narrativa é uma forma singular de compreensão do si mesmo, mas também do mundo e da humanidade em razão de sua tessitura constituir ligações significativas e coerentes entre acontecimentos e ações; b) a narrativa é um modo essencial de conhecimento, porque privilegia a reflexão sobre as ações e interações humanas e estas experiências existenciais só podem ser reconhecidas como modo de ser comum, quando verbalizadas e comunicadas; c) o ensino de narrativa põe em movimento importantes fatores de elaboração estética e simbólica
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 22.03.2017
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FE2845081-10T 372.5 S729e
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SOUZA, Maria Celeste de; REZENDE, Neide Luzia de. Escrita de narrativas: fundamentos teóricos para a (re)significação de seu ensino. 2017.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2017. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-14072017-164131/ >.
    • APA

      Souza, M. C. de, & Rezende, N. L. de. (2017). Escrita de narrativas: fundamentos teóricos para a (re)significação de seu ensino. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-14072017-164131/
    • NLM

      Souza MC de, Rezende NL de. Escrita de narrativas: fundamentos teóricos para a (re)significação de seu ensino [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-14072017-164131/
    • Vancouver

      Souza MC de, Rezende NL de. Escrita de narrativas: fundamentos teóricos para a (re)significação de seu ensino [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-14072017-164131/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: