Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Pós-tratamento por membranas da água residuária do processo de tingimento de indústria têxtil com vistas ao reúso (2017)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: MARQUES, AMANDA FRANZONI - EESC
  • USP Schools: EESC
  • Sigla do Departamento: SHS
  • Subjects: REÚSO DA ÁGUA; ÁGUAS RESIDUÁRIAS; INDÚSTRIA TÊXTIL
  • Keywords: Efluente têxtil; Membranas; Membranes; Nanofiltração; Nanofiltration; Textile effluent; Textile industry; Water reuse
  • Language: Português
  • Abstract: A indústria têxtil é caracterizada por seu grande consumo de água e descarte de efluentes. Nesse trabalho foram mapeadas as oportunidades de reúso de água dentro da indústria têxtil de estudo. A partir desse mapeamento e dos requisitos de cada uso, foi proposto o reúso de água para lavagem de pisos e equipamentos; irrigação de jardim; preparo de banhos de tingimento e banho químico; preparo de goma; uso nas caixas de lavagem do processo de tingimento; torre de resfriamento; e descarga em vasos sanitários. O maior consumo de água ocorre no tingimento dos fios. Atualmente todo efluente gerado por esse processo é encaminhado para a Estação de Tratamento de Águas Residuárias (ETAR) e tratado por flotação por ar dissolvido (FAD). O efluente da ETAR não apresenta características que possibilitem o reúso, para isso foi estudado o uso de filtração sob pressão por membranas. Foram testadas cinco combinações diferentes de membrana envolvendo membranas de microfiltração (MF), ultrafiltração (UF) e nanofiltração (NF). A melhor configuração foi usando membrana de MF (0,05 'mü'm) seguida de membrana de NF (200 Da). A membrana de NF foi capaz de remover em média 68% de cálcio, 45% de condutividade, 35% da DBO bruta, 40% da DQO bruta, 62% de dureza, 48% de magnésio, 42% dos SDT, 74% de sulfato e 36% de turbidez. No entanto, o permeado não apresentou qualidade adequada para reúso direto nos processos de tigimento da indústria, pois apresentou uma elevada concentração de matéria orgânica (DBO bruta 1.266 mg 'O IND.2'/L) e sais (condutividade: 8.000 'mü'S/cm),sendo recomendável estudos adicionais com incorporação de etapa de tratamento biológico anterior à filtração em membranas de osmose reversa, ou até mesmo de nanofiltração com eventual posterior diluição, para se avaliar a possibilidade de reúso direto no processo de tingimento. Por outro lado, a água obtida após a filtração em membrana de MF apresenta qualidade compatível com reúso para lavagens de pisos e equipamentos e descargas em vasos sanitários
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 18.09.2017
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    EESC31100209412TESE 9883
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MARQUES, Amanda Franzoni; REALI, Marco Antonio Penalva. Pós-tratamento por membranas da água residuária do processo de tingimento de indústria têxtil com vistas ao reúso. 2017.Universidade de São Paulo, São Carlos, 2017. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18138/tde-07112017-104703/ >.
    • APA

      Marques, A. F., & Reali, M. A. P. (2017). Pós-tratamento por membranas da água residuária do processo de tingimento de indústria têxtil com vistas ao reúso. Universidade de São Paulo, São Carlos. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18138/tde-07112017-104703/
    • NLM

      Marques AF, Reali MAP. Pós-tratamento por membranas da água residuária do processo de tingimento de indústria têxtil com vistas ao reúso [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18138/tde-07112017-104703/
    • Vancouver

      Marques AF, Reali MAP. Pós-tratamento por membranas da água residuária do processo de tingimento de indústria têxtil com vistas ao reúso [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18138/tde-07112017-104703/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: