Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Antiguidade da arte da pintura, sua nobreza, divino, e humano que a exercitou, e honras que os monarcas fizeram a seus artífices - Félix da Costa Meesen - 1696: texto modernizado e análises (2017)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: SILVA, MONICA MESSIAS - IEB
  • USP Schools: IEB
  • Subjects: ARTES; PINTURA; RETÓRICA; MANUSCRITOS
  • Keywords: Art; Commonplace; Epideictc; Epidítico; Lugar-comum; Painting; Rhetoric
  • Language: Português
  • Abstract: O presente trabalho tem por objetivos: em primeiro lugar, realizar uma transcrição modernizada do tratado Antiguidade da Arte da Pintura, sua nobreza, divino, e humano que a exercitou, e honras que os monarcas fizeram a seus artífices, 1696, de Félix da Costa Meesen; em segundo lugar, apresentar uma análise de elementos retóricos do texto, para isso levando em consideração a tradição de leitura à época de Félix da Costa Meesen. O tratado é um dos primeiros documentos a reivindicar a criação de uma Academia de Artes em Portugal, o que de fato só aconteceria em meados do século XIX. Para assegurar seus argumentos, Félix da Costa aplica no discurso do tratado escolhas elocutivas a partir do gênero epidítico, como por exemplo, quando opera lugares-comuns de Plínio, o Velho. Esses lugares-comuns elevam a Pintura a altos patamares. O tratado conta atualmente apenas com uma publicação: uma edição fac-similar seguida de uma tradução para o inglês sob a organização de George Kubler, de 1967, por meio da Yale University Press, da Universidade de Yale - EUA.A versão digitalizada do tratado está disponível no site Beinecke Rare Book & Manuscript Library da Biblioteca da Universidade de Yale. O códice é de difícil acesso a demais leitores que não possam compreender manuscritos seiscentistas. Justificamos, assim, nossa transcrição modernizada porque acreditamos que ela fará com que esta obra de Félix da Costa, de grande relevância por abordar a tratadística sobre a Arte da Pintura, ganhe mais consulentes
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 06.12.2017
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    IEB2874464-10TME M585a 2017 v. cor.
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SILVA, Monica Messias; BAGOLIN, Luiz Armando. Antiguidade da arte da pintura, sua nobreza, divino, e humano que a exercitou, e honras que os monarcas fizeram a seus artífices - Félix da Costa Meesen - 1696: texto modernizado e análises. 2017.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2017. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/31/31131/tde-01032018-130721/ >.
    • APA

      Silva, M. M., & Bagolin, L. A. (2017). Antiguidade da arte da pintura, sua nobreza, divino, e humano que a exercitou, e honras que os monarcas fizeram a seus artífices - Félix da Costa Meesen - 1696: texto modernizado e análises. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/31/31131/tde-01032018-130721/
    • NLM

      Silva MM, Bagolin LA. Antiguidade da arte da pintura, sua nobreza, divino, e humano que a exercitou, e honras que os monarcas fizeram a seus artífices - Félix da Costa Meesen - 1696: texto modernizado e análises [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/31/31131/tde-01032018-130721/
    • Vancouver

      Silva MM, Bagolin LA. Antiguidade da arte da pintura, sua nobreza, divino, e humano que a exercitou, e honras que os monarcas fizeram a seus artífices - Félix da Costa Meesen - 1696: texto modernizado e análises [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/31/31131/tde-01032018-130721/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: