Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Alto valor de conservação: uma avaliação em três escalas (2017)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: BALISTIERI, LEANDRO - ESALQ
  • USP Schools: ESALQ
  • Sigla do Departamento: LCF
  • Subjects: BIODIVERSIDADE; ECOLOGIA FLORESTAL; FLORESTAS
  • Keywords: Certificação florestal
  • Language: Português
  • Abstract: O conceito de Alto Valor de Conservação (AVC) foi desenvolvido pela certificação florestal FSC (Forest Stewardship Council), e tem por objetivo designar áreas com características excepcionais devido a presença de importantes atributos, divididos nas seguintes categorias: florestas com concentração significativa de biodiversidade; grandes áreas florestais em nível de paisagem, que contenham populações viáveis da grande maioria das espécies de ocorrência natural; áreas florestais contidas ou que contém ecossistemas raros, ameaçados ou em perigo; áreas florestais em situações críticas que forneçam serviços básicos da natureza; áreas florestais fundamentais para atender necessidades básicas das comunidades locais; áreas florestais críticas para a identidade cultural tradicional de comunidades locais. Trata-se de um conceito inovador ao incluir aspectos sociais e culturais, razão pela qual tem sido amplamente utilizado fora do setor florestal, sendo incorporado por esquemas de certificação ligados a commodities e biocombustíveis, empresas de cadeia de logística (produção) e instituições financeiras. A identificação dos atributos pode ser feita seguindo-se uma abordagem genérica, na qual o manejo deve contribuir para manutenção ou incremento dos atributos identificados seguindo uma abordagem de precaução, incluindo as comunidades locais no processo de identificação das áreas de AVC. Para melhor uso deste conceito em situações específicas, alguns países adaptam os conceitos geraisem documentos chamados de Interpretação Nacional. O Brasil é um dos países que ainda não possuem uma interpretação Nacional e, portanto, a identificação de áreas de AVC é feita utilizando-se a abordagem genérica. Este trabalho se propõe a uma análise ampla do uso do conceito de AVC em três diferentes escalas: análise das publicações existentes sobre o tema, aplicação regional por meio das interpretações nacionais e uso do conceito no Brasil pelos empreendimentos de manejo florestal certificado pelo FSC. O capítulo 1 consiste em uma revisão estruturada das publicações existentes a nível mundial sobre o tema, que possibilitou a formação de uma base considerando as principais informações disponíveis sobre o tema. No capítulo 2 aprofunda-se em uma análise do conceito regional, considerando apenas os países que possuem uma interpretação nacional, reconhecendo as diferenças e características próprias de cada local. Por fim, o terceiro capítulo tem como foco específico os empreendimentos de manejo florestal certificado no Brasil, possibilitando o levantamento dos atributos identificados até o momento e a realização de uma análise das etapas de condução dos estudos de AVC por meio de questionários
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 09.11.2017
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    ESABC10500135682BALISTIERI, L.
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      BALISTIERI, Leandro; SILVA, Edson José Vidal da. Alto valor de conservação: uma avaliação em três escalas. 2017.Universidade de São Paulo, Piracicaba, 2017. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11150/tde-22032018-144603/ >.
    • APA

      Balistieri, L., & Silva, E. J. V. da. (2017). Alto valor de conservação: uma avaliação em três escalas. Universidade de São Paulo, Piracicaba. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11150/tde-22032018-144603/
    • NLM

      Balistieri L, Silva EJV da. Alto valor de conservação: uma avaliação em três escalas [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11150/tde-22032018-144603/
    • Vancouver

      Balistieri L, Silva EJV da. Alto valor de conservação: uma avaliação em três escalas [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11150/tde-22032018-144603/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: