Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Metrics


Metrics:

Previsão dos analistas e adoção dos padrões IFRS em petrolíferas mundiais (2017)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: NAKAO, SÍLVIO HIROSHI - FEARP
  • USP Schools: FEARP
  • DOI: 10.4270/ruc.2017206
  • Subjects: PETRÓLEO; INDÚSTRIA PETROQUÍMICA; PREVISÃO ECONÔMICA
  • Keywords: DISCLOSURE; IFRS; ANALISTAS; PREVISÃO OIL; DISCLOSURE; ANALYSTS; FORECAST DIVULGACIÓN; ANALISTAS; PREVISION
  • Language: Português
  • Abstract: Pesquisas internacionais apresentam resultados contraditórios com relação à adoção dos padrões IFRS e a melhora na qualidade das previsões dos analistas. De forma geral, não há entre esses trabalhos uma contribuição advinda de empresas unicamente do setor petrolífero. O setor é ímpar para se verificar os efeitos da adoção dos padrões IFRS na previsão dos analistas, pois é um dos grandes mercados mundiais monitorados pelos analistas. Nesse contexto, o objetivo desta pesquisa foi o de investigar, considerando o período de 2003 a 2014, se a adoção do padrão IFRS por empresas petrolíferas mundiais acarretou melhora na qualidade das previsões dos analistas. Para atingir o objetivo proposto foram aplicadas regressões considerando a técnica de dados em painel em dois modelos: um tendo como variável dependente um erro de previsão do lucro por ação e outro a dispersão dessas previsões. Ambas variáveis são proxys para qualidade das previsões. Como variável explicativa foi considerada uma dummy para adoção das IFRS. Em função da disponibilidade de dados, foram consideradas duas amostras, uma para cada modelo. Para o modelo de erro das previsões dos lucros foram analisadas 49 empresas ao longo dos 12 anos (2003 a 2014), totalizando 588 observações. Já para o modelo de dispersão das previsões foram analisadas 29 empresas ao longo dos 12 anos (2003 a 2014), totalizando 348 observações. De forma geral, os resultados indicam que não se pode aceitar a hipótese de que a adoção das IFRS aumentou a qualidade das previsões dos analistas. A grande dificuldade, talvez, esteja na característica peculiar do IASB em emitir pronunciamentos mais gerais e com linhas de atuaçãoLas investigaciones internacionales presentan resultados contradictorios con respecto a la adopción de los estándares IFRS y la mejora en la calidad de las previsiones de los analistas. En general, no hay entre estos trabajos una contribución proveniente de empresas únicamente del sector petrolero. El sector es impar para verificar los efectos de la adopción de los estándares IFRS en la previsión de los analistas, pues es uno de los grandes mercados mundiales monitoreados por los analistas. En este contexto, el objetivo de esta investigación fue el de investigar, considerando el período de 2003 a 2014, si la adopción del estándar IFRS por empresas petroleras mundiales acarreó una mejora en la calidad de las previsiones de los analistas. Para alcanzar el objetivo propuesto se aplicaron regresiones considerando la técnica de datos en panel en dos modelos: uno teniendo como variable dependiente un error de previsión del beneficio por acción y otro la dispersión de esas previsiones. Ambas variables son proxys para la calidad de las predicciones. Como variable explicativa se consideró una simulación para la adopción de las IFRS. En función de la disponibilidad de datos, se consideraron dos muestras, una para cada modelo. Para el modelo de error de las previsiones de los beneficios se analizaron 49 empresas a lo largo de los 12 años (2003 a 2014), totalizando 588 observaciones. Para el modelo de dispersión de las previsiones se analizaron 29 empresas a lo largo de los 12 años (2003 a 2014), totalizando 348 observaciones. En general, los resultados indican que no se puede aceptar la hipótesis de que la adopción de las IFRS ha aumentado la calidad de las previsiones de los analistas. La gran dificultad, tal vez, esté en la característica peculiar del IASB en emitir pronunciamientos más generales y con líneas de actuación
  • Imprenta:
  • Source:
  • Acesso online ao documento

    Online accessDOI or search this record in
    Informações sobre o DOI: 10.4270/ruc.2017206 (Fonte: oaDOI API)
    • Este periódico é de assinatura
    • Este artigo é de acesso aberto
    • URL de acesso aberto
    • Cor do Acesso Aberto: bronze
    Versões disponíveis em Acesso Aberto do: 10.4270/ruc.2017206 (Fonte: Unpaywall API)

    Título do periódico: Revista Universo Contábil

    ISSN: 1809-3337



      Não possui versão em Acesso aberto

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FEARP2882108pcd 2882108 Estantes Deslizantes
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      DOMINGUES, João Carlos de Aguiar; NAKAO, Sílvio Hiroshi. Previsão dos analistas e adoção dos padrões IFRS em petrolíferas mundiais. Revista Universo Contábil, Blumenau, v. 13, n. 2, p. 6-24, 2017. Disponível em: < http://dx.doi.org/10.4270/ruc.2017206 > DOI: 10.4270/ruc.2017206.
    • APA

      Domingues, J. C. de A., & Nakao, S. H. (2017). Previsão dos analistas e adoção dos padrões IFRS em petrolíferas mundiais. Revista Universo Contábil, 13( 2), 6-24. doi:10.4270/ruc.2017206
    • NLM

      Domingues JC de A, Nakao SH. Previsão dos analistas e adoção dos padrões IFRS em petrolíferas mundiais [Internet]. Revista Universo Contábil. 2017 ; 13( 2): 6-24.Available from: http://dx.doi.org/10.4270/ruc.2017206
    • Vancouver

      Domingues JC de A, Nakao SH. Previsão dos analistas e adoção dos padrões IFRS em petrolíferas mundiais [Internet]. Revista Universo Contábil. 2017 ; 13( 2): 6-24.Available from: http://dx.doi.org/10.4270/ruc.2017206