Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Adesão de pacientes HIV submetidos precocemente a terapia antirretroviral (2017)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: NUNES JÚNIOR, SEBASTIÃO SILVEIRA - EE
  • USP Schools: EE
  • Subjects: HIV; SÍNDROME DE IMUNODEFICIÊNCIA ADQUIRIDA; TERAPIA ANTIRRETROVIRAL DE ALTA ATIVIDADE; ADESÃO À MEDICAÇÃO; ENFERMAGEM
  • Keywords: Acquired Immunodeficiency Syndrome; High Activity Antiretroviral Therapy; HIV; Medication Adherence; Nursing
  • Language: Português
  • Abstract: Introdução: A Organização Mundial da Saúde recomenda que a terapia antirretroviral deva ter início imediato para todos os portadores do HIV independente da presença ou ausência de sintomas da Aids. Esta nova diretriz tem como base que o início precoce da terapia antirretroviral estimula o sistema imune, diminui o risco de morbimortalidade associadas ao HIV e reduz o risco de transmissão Objetivo: analisar adesão de portadores do HIV submetidos precocemente à terapia antirretroviral. Hipótese: Portadores do HIV assintomáticos apresentam baixa adesão quando submetidos à terapia antirretroviral precocemente, decorrente dos efeitos colaterais da medicação. Método: Estudo transversal, descritivo, prospectivo com abordagem quantitativa. Os dados foram obtidos por entrevista individual com formulário para levantamento das características sociodemográficas e para avaliar adesão à terapia antirretroviral, foi utilizada a adaptação brasileira do Cuestionario para la Evaluación de la Adhesión al Tratamiento Antiretroviral CEAT-VIH. Para interpretação, compreensão e estruturação das análises do fenômeno foi adotado o referencial teórico da vulnerabilidade. A análise dos dados foi processada no Software Stata 13.1®. As variáveis foram analisadas por meio de frequência absoluta e relativa (frequência simples, média e desvio padrão) e de acordo com os resultados, o teste do Qui-quadrado de Pearson. Resultado: Entre os 53 entrevistados, 81,1% foram classificados como aderentes e 18,9% como não aderentes. Predominou a população masculina e a faixa etária de 25 a 44 anos, a cor branca e boa escolaridade.Os determinantes da adesão a TARV foram: maior escolaridade, estar casado ou morar com família e boa relação médico/paciente, para a não adesão foram: sentir-se melhor após o início do tratamento, falta de apoio das pessoas do convívio social e ciência do parceiro sobre a soropositvidade. Ao que se refere a vulnerabilidade nas três dimensões, verificou-se que na dimensão individual: falta de conhecimento sobre os medicamentos em uso, presença de rede de apoio social e mudança de comportamento social (sexo sem preservativo), foram os que mais influenciaram para a não adesão. Na dimensão social, vínculo interpessoal com familiares e amigos íntimos, influenciou positivamente a adesão. Programaticamente, verificou-se que a estrutura oferecida aos usuários foi considerada adequada e contribuíram para a adesão. Conclusão: O estudo mostrou a necessidade de pesquisas acerca da adesão a TARV, em pacientes submetidos precocemente ao tratamento, com outros instrumentos, em outros Centros de Referencias, com número maior de portadores, para avaliar este programa terapêutico, visto que esse é o último consenso em termos de terapia e o uso prolongado associado aos efeitos colaterais, são fatores que podem interferir na adesão.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 29.05.2017
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    EE10200028917T4866
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      NUNES JÚNIOR, Sebastião Silveira; CIOSAK, Suely Itsuko. Adesão de pacientes HIV submetidos precocemente a terapia antirretroviral. 2017.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2017. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/7/7141/tde-27042018-111219/ >.
    • APA

      Nunes Júnior, S. S., & Ciosak, S. I. (2017). Adesão de pacientes HIV submetidos precocemente a terapia antirretroviral. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/7/7141/tde-27042018-111219/
    • NLM

      Nunes Júnior SS, Ciosak SI. Adesão de pacientes HIV submetidos precocemente a terapia antirretroviral [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/7/7141/tde-27042018-111219/
    • Vancouver

      Nunes Júnior SS, Ciosak SI. Adesão de pacientes HIV submetidos precocemente a terapia antirretroviral [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/7/7141/tde-27042018-111219/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: