Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Dinâmica da retenção de nitrogênio e fósforo em riachos tropicais do bioma Cerrado (SP) (2018)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: FINKLER, NÍCOLAS REINALDO - EESC
  • USP Schools: EESC
  • Subjects: ECOSSISTEMAS; NITROGÊNIO; MACRONUTRIENTES
  • Keywords: ADIÇÃO DE NUTRIENTES; CINÉTICA DE RETENÇÃO; RIACHOS DE PEQUENA ORDEM; CICLAGEM DE NUTRIENTES
  • Language: Português
  • Abstract: Os serviços ecossistêmicos se traduzem em benefícios diretos e indiretos obtidos pelos seres humanos do ambiente natural graças ao papel imprescindível dos ecossistemas para o seu bem-estar, saúde e desenvolvimento socioeconômico. Considerando o serviço ecossistêmico de purificação da água, a retenção de nitrogênio e fósforo pelos ecossistemas aquáticos depende de uma combinação de mecanismos físicos, químicos e biológicos que transformam o nutriente no sentido longitudinal de um curso de água. A retenção é majoritariamente estudada em ambientes temperados, mas ainda pouco se sabe sobre como as características ambientais de sistemas tropicais podem afetá-la. O objetivo principal dessa pesquisa foi estimar a retenção de macronutrientes em riachos localizados no bioma Cerrado (SP). Avaliaram-se, além das características físicas e químicas, as taxas de retenção de nitrato, amônio e fosfato em trechos de quatro riachos caracterizados por gradientes de concentrações ambientais para testar hipóteses vinculadas ao nível de enriquecimento por nutrientes e ao papel de riachos tropicais sobre a retenção ecossistêmica. No período de janeiro a outubro de 2017, foram realizados pulsos de nutrientes, segundo o método Tracer Additions for Spiraling Curve Characterization, para modelagem e quantificação de métricas de retenção desses nutrientes (distância, taxa e velocidade de retenção em condições ambientais), além do comportamento cinético de cada adição. Os riachos foram hierarquizados conforme o nível de enriquecimento por fosfato, variável utilizada como discriminante de tal enriquecimento em função de sua significativa variação inter-riachos. Com relação às métricas de retenção, foram encontradas diferenças espaciais significativas entre riachos, enquanto que não foram observadas diferenças temporais entre coletas.Em geral, riachos não enriquecidos apresentaram distâncias de retenção em geral menores (8-418 m para nitrato, 38-172 m para amônio e de 60-560 m para fosfato) em comparação a ambientes enriquecidos (56-508 m para nitrato, 35-253 m para amônio e de 77-391 m para fosfato). Além disso, os riachos não enriquecidos apresentaram maior velocidade de retenção (máximas de 123 mm/min para nitrato, 68 mm/min para amônio e 17 mm/min para fosfato), além de taxas de retenção (μg/'M POT.2'.min) superiores em comparação aos enriquecidos. O nitrato apresentou maiores taxas ambiental de retenção (média geométrica de 999,3 μg/'M POT.2'.min), enquanto o amônio apresentou menor distância ambiental de retenção (média geométrica de 85,7 m) e maior velocidade ambiental de retenção (média geométrica de 6,9 mm/min). No ajuste cinético da retenção, não foi evidenciada a saturação de concentrações para nenhum caso. O modelo Efficiency-Loss mostrou melhor ajuste cinético aos dados experimentais que os modelos cinéticos de Michaelis-Menten e primeira ordem. As métricas de retenção obtidas são de magnitudes superiores às normalmente reportadas na literatura para riachos de pequeno porte em outros biomas, o que reforça a importância da preservação e conservação de riachos tropicais. Para isso, sugere-se especial atenção ao controle e disciplinamento das formas de uso e ocupação do solo nestas bacias. Concluiu-se que os riachos analisados desempenham um papel relevante como sumidouros de N e P, o que os permite colocar na categoria de cursos de água estratégicos em relação ao serviço ambiental de retenção de nutrientes
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 27.03.2018
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    EESC31100210913TESE 10.009
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      FINKLER, Nícolas Reinaldo; CUNHA, Davi Gasparini Fernandes. Dinâmica da retenção de nitrogênio e fósforo em riachos tropicais do bioma Cerrado (SP). 2018.Universidade de São Paulo, São Carlos, 2018. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18138/tde-20062018-105639/pt-br.php >.
    • APA

      Finkler, N. R., & Cunha, D. G. F. (2018). Dinâmica da retenção de nitrogênio e fósforo em riachos tropicais do bioma Cerrado (SP). Universidade de São Paulo, São Carlos. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18138/tde-20062018-105639/pt-br.php
    • NLM

      Finkler NR, Cunha DGF. Dinâmica da retenção de nitrogênio e fósforo em riachos tropicais do bioma Cerrado (SP) [Internet]. 2018 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18138/tde-20062018-105639/pt-br.php
    • Vancouver

      Finkler NR, Cunha DGF. Dinâmica da retenção de nitrogênio e fósforo em riachos tropicais do bioma Cerrado (SP) [Internet]. 2018 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18138/tde-20062018-105639/pt-br.php

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: