Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Envolvimento dos sítios de ligação benzodiazepínicos localizados na substância cinzenta periaquedutal dorsal de ratos nos efeitos ansiolítico e panicolítico causado pelo alprazolam (2018)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: FRIAS, ALANA TERCINO - FMRP
  • USP Schools: FMRP
  • Sigla do Departamento: RFA
  • Subjects: FARMACOLOGIA; PÂNICO; ANSIEDADE; SUBSTÂNCIA CINZENTA PERIAQUEDUTAL; GABA
  • Keywords: Receptor GABAA; Substancia cinzenta periaquedutal dorsal; Benzodiazepínico; Anxiety; Benzodiazepine; GABAA receptor; Panic; Periaqueductal gray matter
  • Language: Português
  • Abstract: O transtorno do pânico (TP) é um transtorno de ansiedade caracterizado por ataques de pânico recorrentes e inesperados, com um prognóstico crônico. Entre as drogas utilizadas no tratamento do TP, os benzodiazepínicos (BZs) de alta potência, como o alprazolam e o clonazepam, apresentam a vantagem de serem eficazes logo no início do tratamento. Assim como outras drogas BZs, tais como o diazepam e o flurazepam, estes compostos também são empregados como ansiolíticos no tratamento de pacientes com transtorno de ansiedade generalizada. O mecanismo da ação primária dessas drogas ocorre pela interação com os sítios de ligação BZs presentes nos receptores do ácido gama-aminobutírico do tipo A (GABAA), facilitando a neutotransmissão GABAérgica. Entretanto, ainda permanecem desconhecidos os substratos neurais envolvidos no efeito panicolítico causado pelos BZs. Dentre os substratos em potencial, a substância cinzenta periaquedutal dorsal (SCPD), uma estrutura mesencefálica criticamente relacionada à fisiopatogênica do TP, apresenta alta densidade de receptores GABAA e de sítios de ligação BZs. Neste trabalho avaliamos o envolvimento do complexo receptor GABAA/BZ presente na SCPD no efeito panicolítico promovido pela administração sistêmica de alprazolam em ratos Wistar. Para isso, empregamos o labirinto em T elevado (LTE), que além da resposta de fuga, que é associada ao pânico, também permite avaliar a resposta de esquiva inibitória, associada à ansiedade. Neste modelo, o alprazolaminibe a expressão da resposta de fuga, indicando efeito panicolítico e inibe a aquisição da esquiva inibitória, sugestivo de efeito ansiolítico. Além do LTE, também empregamos os modelos experimentais da hipóxia e o de Vogel, associados ao pânico e a ansiedade, respectivamente. Os resultados obtidos mostraram que o efeito panicolítico promovido pela administração sistêmica de alprazolam, observado na resposta de fuga do LTE, foi bloqueado pela administração intra-SCPD de flumazenil, antagonista dos sítios de ligação BZs, ou de bicuculina, antagonista dos receptores 10 GABAA. No teste da hipóxia, o efeito panicolítico causado pela administração sistêmica de alprazolam foi inibido, porém não significativamente bloqueado, pela administração intra-SCPD de bicuculina. Já o efeito ansiolítico, observado na resposta de esquiva do LTE e no teste do beber punido de Vogel, não foi bloqueado pela administração intra-SCPD de flumazenil ou de bicuculina. No conjunto, nossos resultados sugerem que o complexo receptor GABAA/BZ da SCPD está envolvido no efeito panicolítico, mas não ansiolítico, promovido pela administração sistêmica de alprazolam
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 06.02.2018
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      FRIAS, Alana Tercino; ZANGROSSI JUNIOR, Helio. Envolvimento dos sítios de ligação benzodiazepínicos localizados na substância cinzenta periaquedutal dorsal de ratos nos efeitos ansiolítico e panicolítico causado pelo alprazolam. 2018.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2018. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17133/tde-10052018-094025/ >.
    • APA

      Frias, A. T., & Zangrossi Junior, H. (2018). Envolvimento dos sítios de ligação benzodiazepínicos localizados na substância cinzenta periaquedutal dorsal de ratos nos efeitos ansiolítico e panicolítico causado pelo alprazolam. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17133/tde-10052018-094025/
    • NLM

      Frias AT, Zangrossi Junior H. Envolvimento dos sítios de ligação benzodiazepínicos localizados na substância cinzenta periaquedutal dorsal de ratos nos efeitos ansiolítico e panicolítico causado pelo alprazolam [Internet]. 2018 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17133/tde-10052018-094025/
    • Vancouver

      Frias AT, Zangrossi Junior H. Envolvimento dos sítios de ligação benzodiazepínicos localizados na substância cinzenta periaquedutal dorsal de ratos nos efeitos ansiolítico e panicolítico causado pelo alprazolam [Internet]. 2018 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17133/tde-10052018-094025/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: