Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Papel do receptor NLRP12 na modulação da reabsorção óssea durante a progressão da lesão periapical experimental (2017)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: TAIRA, THAISE MAYUMI - FORP
  • USP Schools: FORP
  • Subjects: LESÕES PERIAPICAIS; REABSORÇÃO ÓSSEA ALVEOLAR; IMUNOLOGIA
  • Keywords: Bone resorption; Lesão periapical; MMP-9; NLRP12; Osteoimmunology; Osteoimunologia; Periapical lesion; Reabsorção óssea
  • Language: Português
  • Abstract: O receptor NLRP12 é um receptor intracelular que está envolvido no reconhecimento de PAMPs e DAMPs durante uma infecção. Foi visto que durante a osteoclastogênese, há uma diminuição da transcrição de NLRP12, e que este receptor inibe a reabsorção óssea através da supressão da via alternativa de NF-κB, exercendo um papel protetor sobre o tecido ósseo. Além disso, foi observado que a deficiência de NLRP12 em monócitos sob o estímulo de RANKL levou a maior estabilização de NIK e maior translocação de RelB para o núcleo, aumentando a formação dos osteoclastos in vitro. Portanto, o objetivo deste estudo foi avaliar o papel de NLRP12 no desenvolvimento e progressão da lesão periapical induzida em camundongos. Para isso, foi induzida a lesão periapical dos primeiros molares inferiores dos camundongos fêmeas C57/Bl6 (WT) e camundongos deficientes para o receptor NLRP12 (Nlrp12-/-). Após 14 e 21 dias, as amostras de mandíbula foram submetidas às análises: determinação da área de lesão periapical em cortes histológicos; expressão gênica de marcadores osteoclastogênicos por qPCR; contagem de osteoclastos submetidos ao ensaio de histoenzimologia (TRAP); avaliação enzimática das MMPs por Zimografia. Os linfonodos cervicais foram submetidos à análise da expressão dos fatores de transcrição T-bet, RORγt, GATA-3 e Foxp-3 por qPCR. Aos 14 dias, na análise histomorfométrica os animais Nlrp12-/- apresentaram uma maior lesão periapical quando comparados aos animais WT, associado comNLRP12 levou a uma maior perda óssea aos 14 dias de lesão periapical e que isso ocorre via modulação da formação e atividade dos osteoclastos. Portanto, o NLRP12 inibe a osteoclastogênese e a atividade dos osteoclastos durante a fase inicial da lesão periapical, retardando o desenvolvimento da doençao aumento da expressão de Trap, Catepsina K e MMP-9 em amostras de hemi-mandíbulas com lesão. Além disso, o número de células TRAP positivas foi significantemente maior em Nlrp12-/- com lesão quando comparado com seu controle, enquanto no grupo WT com e sem lesão foram semelhantes. Assim como foi observado o maior aumento dos osteoclastos presentes no local da lesão dos animais Nlrp12-/-, estes também se mostraram com maior atividade gelatinolítica de MMP-9 e MMP-2 em relação ao seu controle, diferente dos animais WT que não apresentaram diferença entre os grupos controle e com lesão. Ainda nesse período, foi observado nas amostras de linfonodos cervicais que, no grupo Nlrp12-/- houve uma tendência à maior expressão de RORγt, seguidos de menor expressão de T-bet quando comparados com o grupo WT. Aos 21 dias, os animais WT e Nlrp12-/- apresentaram lesões periapicais de tamanhos semelhantes. Além disso, somente o grupo Nlrp12-/- com lesão apresentou um aumento significativo da expressão de Trap em relação ao seu controle e a expressão de Catepsina K foi semelhante em ambos os grupos. Neste período houve um aumento na quantidade de células TRAP positivas em ambos os grupos com lesão quando comparados com seus respectivos controles, entretanto também não houve diferença entre os animais WT e Nlrp12-/-. A atividade de MMP-9 e MMP-2 foram semelhantes entre os animais WT e Nlrp12-/- e entre seus respectivos controles aos 21 dias. Nossos dados sugerem que a deficiência de
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 29.06.2017
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      TAIRA, Thaise Mayumi; ALVES, Sandra Yasuyo Fukada. Papel do receptor NLRP12 na modulação da reabsorção óssea durante a progressão da lesão periapical experimental. 2017.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2017. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58135/tde-01092017-101250/ >.
    • APA

      Taira, T. M., & Alves, S. Y. F. (2017). Papel do receptor NLRP12 na modulação da reabsorção óssea durante a progressão da lesão periapical experimental. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58135/tde-01092017-101250/
    • NLM

      Taira TM, Alves SYF. Papel do receptor NLRP12 na modulação da reabsorção óssea durante a progressão da lesão periapical experimental [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58135/tde-01092017-101250/
    • Vancouver

      Taira TM, Alves SYF. Papel do receptor NLRP12 na modulação da reabsorção óssea durante a progressão da lesão periapical experimental [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58135/tde-01092017-101250/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: