Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Padrões de atividades de residentes de Paraisópolis: análise de dados de múltiplos dias coletados com smartphones (2018)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: PIZZOL, BRUNA - EP
  • USP Schools: EP
  • Sigla do Departamento: PTR
  • Subjects: ENGENHARIA DE TRANSPORTES; PLANEJAMENTO DE TRANSPORTES; MOBILIDADE URBANA; SISTEMA DE POSICIONAMENTO GLOBAL; FAVELAS
  • Language: Português
  • Abstract: Esse trabalho propõe articular dois eixos principais de análise: investigar os padrões de atividades de 105 residentes de Paraisópolis, segunda maior favela de São Paulo, e avaliar o processo de coleta e processamento de dados de múltiplos dias obtidos a partir de um aplicativo instalado nos smartphones. Os dados foram obtidos por meio de uma entrevista domiciliar realizada em campo e pela coleta de dados de localização de GPS a cada cinco minutos, pelo período de uma semana. A partir dos dados de localização, foram identificadas atividades e locais de interesse para cada indivíduo. As atividades foram classificadas em seis categorias, usadas para descrever os padrões de atividades dos moradores. Uma segunda rodada de classificação agrupou os indivíduos que apresentavam padrões semanais de atividades semelhantes, em sete grupos distintos. A composição de cada grupo de indivíduos foi investigada segundo as características socioeconômicas das pessoas que os formavam, permitindo avaliar se os grupos com comportamento de atividades similar apresentavam também homogeneidade no que diz respeito ao gênero, idade, renda, ocupação, nível de escolaridade, entre outros atributos. Os resultados indicam que entre os sete grupos de indivíduos identificados, dois grupos realizam a maior parte de suas atividades na residência; outros dois grupos possuem uma atividade principal dentro de Paraisópolis, sendo que um deles apresenta padrão mais regular e o outro, padrão mais variado; e outros três grupos apresentam uma atividade principal fora de Paraisópolis, sendo o primeiro com padrão mais regular, o segundo com padrão mais variado e um terceiro grupo com padrão muito variado e ativo, com alto número de atividades realizadas no período. Destaca-se o fato de que entre todos os indivíduos, 56% foram classificados em gruposde comportamento variado, apontando para a necessidade de considerar outros tipos de padrões de atividades nos processos de modelagem de transportes, além dos padrões regulares tipicamente considerados, como casa-trabalho.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 29.06.2018
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      PIZZOL, Bruna; STRAMBI, Orlando. Padrões de atividades de residentes de Paraisópolis: análise de dados de múltiplos dias coletados com smartphones. 2018.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2018. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/3/3138/tde-18092018-080709/pt-br.php >.
    • APA

      Pizzol, B., & Strambi, O. (2018). Padrões de atividades de residentes de Paraisópolis: análise de dados de múltiplos dias coletados com smartphones. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/3/3138/tde-18092018-080709/pt-br.php
    • NLM

      Pizzol B, Strambi O. Padrões de atividades de residentes de Paraisópolis: análise de dados de múltiplos dias coletados com smartphones [Internet]. 2018 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/3/3138/tde-18092018-080709/pt-br.php
    • Vancouver

      Pizzol B, Strambi O. Padrões de atividades de residentes de Paraisópolis: análise de dados de múltiplos dias coletados com smartphones [Internet]. 2018 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/3/3138/tde-18092018-080709/pt-br.php

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: