Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

O exercício físico como terapia de exposição no tratamento do transtorno de pânico (2018)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: MUOTRI, RICARDO WILLIAM - FM
  • USP Schools: FM
  • Sigla do Departamento: MPS
  • Subjects: TERAPÊUTICA MÉDICA; EXERCÍCIO FÍSICO; TRANSTORNO DO PÂNICO; ANSIEDADE; TRANSTORNOS MENTAIS; REABILITAÇÃO
  • Keywords: Anxiety; Anxiety disorders; Panic disorder; Physical exercise; Therapy
  • Language: Português
  • Abstract: relaxamento (grupo R) na amenização dos ataques de pânico e consequente aumento da qualidade de vida dos pacientes, através de diferentes testes e questionários. Resultados: Ambos os grupos apresentaram resultados significativos na redução dos sintomas de pânico, aumento da qualidade de vida e diminuição do número de ataques por dia e na intensidade dos ataques, porém o grupo ETE, que utilizou o exercício como terapia de exposição apresentou melhores resultados, comparado ao grupo R e maior eficácia de manutenção. Conclusão: a pesquisa destaca o potencial do exercício como um suporte autônomo ou intervenção complementar para tratamento de transtornos de ansiedade, e se tratando de TP, o exercício também pode ser considerado como uma exposição terapêuticaIntrodução: O Transtorno de Pânico é um transtorno de ansiedade que se caracteriza pela recorrência de ataques de pânico: crises súbitas de mal-estar e sensação de perigo ou morte iminente, acompanhadas de diversos sintomas físicos e cognitivos. Os indivíduos com Transtorno de Pânico apresentam, caracteristicamente, preocupações acerca das implicações ou consequências dos ataques de pânico. É uma condição clínica complexa que envolve diferentes modalidades ou conglomerados de sintomas. Assim, o foco nas sensações físicas erroneamente interpretadas no transtorno de pânico e na hipocondria, centraliza-se basicamente nas manifestações autonômicas, como taquicardia e dispneia. Há poucos estudos sobre atividade física e transtorno de pânico. Objetivo: O estudo visa verificar a influência do exercício como terapia de exposição nesta população, em comparação a atividades de relaxamento para pacientes com transtorno de pânico isentos de tratamento medicamentoso. Método: Foram incluídos neste estudo 72 pacientes, de ambos os gêneros com idades entre 18 e 55 anos, diagnosticados com TP com ou sem agorafobia. Foram submetidos a diferentes questionários e a uma ergoespirometria para avaliação inicial do transtorno de ansiedade e identificação de risco cardiovascular. Após adequar aos critérios de inclusão os pacientes foram dispostos aleatoriamente em dois grupos para realização dos protocolos. A ideia foi comparar os grupos e avaliar a eficiência do exercício (grupo ETE) e do
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 26.06.2018
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MUOTRI, Ricardo William; LOTUFO NETO, Francisco. O exercício físico como terapia de exposição no tratamento do transtorno de pânico. 2018.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2018. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5142/tde-23102018-104311/ >.
    • APA

      Muotri, R. W., & Lotufo Neto, F. (2018). O exercício físico como terapia de exposição no tratamento do transtorno de pânico. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5142/tde-23102018-104311/
    • NLM

      Muotri RW, Lotufo Neto F. O exercício físico como terapia de exposição no tratamento do transtorno de pânico [Internet]. 2018 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5142/tde-23102018-104311/
    • Vancouver

      Muotri RW, Lotufo Neto F. O exercício físico como terapia de exposição no tratamento do transtorno de pânico [Internet]. 2018 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5142/tde-23102018-104311/