Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Efeito da terapia fotodinâmica antimicrobiana na viabilidade e virulência dos Streptococcus mutans (2016)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: NEMEZIO, MARIANA ALENCAR - FORP
  • USP Schools: FORP
  • Subjects: ODONTOPEDIATRIA; LASER; AZUL DE METILENO; STREPTOCOCCUS MUTANS; POLISSACARÍDEOS
  • Keywords: Azul de metileno; Laser de diodo; Diode laser; Methylene blue; Polysaccharides; Streptococcus mutans; Polissacarídeos
  • Language: Português
  • Abstract: O objetivo do presente estudo foi avaliar o efeito da Terapia Fotodinâmica Antimicrobiana (aPDT) com a utilização de azul de metileno a 0,01%, combinado ao laser de diodo, na viabilidade e na produção de polissacarídeos, de biofilmes de S. mutans. Biofilmes de cepas de S. mutans UA159 foram cultivados em discos de resina acrílica e expostos oito vezes por dia, durante 1 min, à solução de sacarose a 10%. Após 48 horas da formação do biofilme, as amostras foram distribuídas aleatoriamente em relação aos tratamentos (n=4): aplicação de solução salina a 0,9% (controle negativo), aplicação de 0,12% de digluconato de clorexidina (controle positivo), ou aplicação da terapia fotodinâmica antimicrobiana. Para aplicação da terapia fotodinâmica antimicrobiana, foi utilizado azul de metileno a 0,01%, combinado ao laser de diodo com comprimento de onda de 660 nm. Foram usados os seguintes parâmetros: área da secção transversal do feixe de laser 0,028 cm², potência de 100 mW, energia de 9J, densidade de energia de 320J/cm², durante 90s. Os tratamentos foram realizados duas vezes ao dia. Após 120 h, os biofilmes de S. mutans formados sobre cada disco de resina acrílica foram coletados, de modo a determinar o número de bactérias viáveis e a concentração do polissacarídeo extracelular insolúvel (PECI) e do polissacarídeo intracelular (PIC). A análise variância um critério (ANOVA) e o teste de Tukey revelaram que as contagens das bactérias nos biofilmes formados foram significativamente diferentes entre os tratamentos. A aPDT mostrou inibição do crescimento do biofilme, quando comparado ao grupo do NaCl(p<0,05). A concentração de PECI e PIC foi maior no biofilme exposto ao NaCl do que a encontrada nos outros grupos (p<0,05) e não foi observada diferença significativa entre os grupos digluconato de clorexidina e aPDT (p>0,05). De acordo com as condições experimentais do presente estudo, sugere-se que o tratamento realizado duas vezes ao dia com aPDT utilizando-se azul de metileno a 0,01%, combinado ao laser de diodo (λ = 660 nm; 320 J/cm²; 100 mW; 90s; 9J), diminui a viabilidade do biofilme e afeta sua organização estrutural
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 27.04.2016
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      NEMEZIO, Mariana Alencar; CORONA, Silmara Aparecida Milori. Efeito da terapia fotodinâmica antimicrobiana na viabilidade e virulência dos Streptococcus mutans. 2016.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2016. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58135/tde-30052016-102725/ >.
    • APA

      Nemezio, M. A., & Corona, S. A. M. (2016). Efeito da terapia fotodinâmica antimicrobiana na viabilidade e virulência dos Streptococcus mutans. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58135/tde-30052016-102725/
    • NLM

      Nemezio MA, Corona SAM. Efeito da terapia fotodinâmica antimicrobiana na viabilidade e virulência dos Streptococcus mutans [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58135/tde-30052016-102725/
    • Vancouver

      Nemezio MA, Corona SAM. Efeito da terapia fotodinâmica antimicrobiana na viabilidade e virulência dos Streptococcus mutans [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58135/tde-30052016-102725/