Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Valor da determinação de IgE específica para tropomiosina no diagnóstico da alergia a camarão (2018)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: DIAS, PAULA REZENDE MEIRELES - FM
  • USP Schools: FM
  • Sigla do Departamento: MCM
  • Subjects: TESTES CUTÂNEOS; HIPERSENSIBILIDADE ALIMENTAR; CAMARÃO; SINAIS E SINTOMAS; PLACEBOS
  • Keywords: Cross-reactivity; Diagnostic; Food hypersensitivity; Oral food challenges; Reatividade cruzada; Shellfish hypersensitivity; Skin prick test; Tropomiosina; Tropomyosin
  • Language: Português
  • Abstract: INTRODUÇÃO: A alergia a camarão é causa comum e potencialmente grave de alergia alimentar IgE mediada, incluindo anafilaxia. Ao contrário de outras alergias alimentares, a alergia a camarão afeta predominantemente adultos e geralmente é vitalícia. Até o momento, não existe terapia específica para a alergia a camarão. Os pacientes necessitam excluir o crustáceo de sua dieta e portar adrenalina auto-injetável, para uso em reações por exposição acidental. A complexidade do perfil alergênico do camarão tem sido cada vez mais reconhecida nos últimos dez anos. A proteína muscular tropomiosina foi o primeiro alérgeno do camarão identificado e é considerada o seu principal alérgeno. Alguns estudos indicam que a tropomiosina apresenta alta especificidade na alergia a camarão, sendo apontada como uma possível e importante ferramenta diagnóstica. OBJETIVO: O objetivo deste estudo foi avaliar sensibilidade, especificidade, valor preditivo positivo e valor preditivo negativo da tropomiosina em pacientes brasileiros em restrição alimentar por suspeita de alergia a camarão. MÉTODOS: Selecionou-se 32 indivíduos com suspeita de alergia a camarão, os quais foram submetidos a testes cutâneos de leitura imediata para camarão (extrato) e "in natura" (cru e cozido), ácaros e barata. Também foram realizadas dosagens séricas de IgE específica para camarão, tropomiosina de camarão, ácaros e barata americana. Avaliou-se reatividade clínica a camarão através de testes de provocação oral. O camarão utilizado nos testes cutâneos e nos testesde provocação oral foi o Xiphopenaeus kroyeri (sete barbas). Foi realizado Western Blot 1 D dos pacientes alérgicos. Foram realizados cálculos de valor de corte para teste cutâneo de leitura imediata e IgE sérica específica através da utilização da curva ROC. RESULTADOS: Alergia a camarão foi confirmada em 17 pacientes. A IgE sérica específica para tropomiosina de camarão neste estudo apresentou sensibilidade de 58,8%, especificidade de 60%, valor preditivo positivo de 62,5% e valor preditivo negativo 56%. Em comparação com a IgE especifica para camarão e os testes cutâneos para camarão com extrato e "in natura", a IgE específica para tropomiosina apresentou a menor sensibilidade e menor valor preditivo positivo. Em sete pacientes alérgicos, a tropomiosina não foi detectada, apontando a importância de outros alérgenos do camarão, avaliados no Western blot. Os testes cutâneos apresentaram diferença estatística significativa entre alérgicos e não alérgicos e foi possível definir um ponto de corte, útil na distinção entre ambos. Os resultados dos valores de corte do teste cutâneo (média) para extrato comercial foram 5,75 mm, para camarão cru 6,75 mm e para camarão cozido 5,00 mm. Todos os pacientes são atópicos. CONCLUSÃO: A IgE específica para tropomiosina neste estudo não apresentou superioridade diagnóstica quando comparada aos testes cutâneos com camarão "in natura" e extrato, e a IgE específica para o camarão. Outros alérgenos, além da tropomiosina, devem ser considerados na avaliação diagnóstica para a alergia a camarão
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 06.11.2018
  • Acesso online ao documento

    Acesso à fonte or search this record in

    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      DIAS, Paula Rezende Meireles; CASTRO, Fabio Fernandes Morato. Valor da determinação de IgE específica para tropomiosina no diagnóstico da alergia a camarão. 2018.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2018. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5146/tde-15012019-090656/ >.
    • APA

      Dias, P. R. M., & Castro, F. F. M. (2018). Valor da determinação de IgE específica para tropomiosina no diagnóstico da alergia a camarão. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5146/tde-15012019-090656/
    • NLM

      Dias PRM, Castro FFM. Valor da determinação de IgE específica para tropomiosina no diagnóstico da alergia a camarão [Internet]. 2018 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5146/tde-15012019-090656/
    • Vancouver

      Dias PRM, Castro FFM. Valor da determinação de IgE específica para tropomiosina no diagnóstico da alergia a camarão [Internet]. 2018 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5146/tde-15012019-090656/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2019