Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Avaliação postural de crianças com deficiência visual (2011)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: PáDUA, MICHELLE DE - FM
  • USP Schools: FM
  • Sigla do Departamento: MFT
  • Subjects: POSTURA; CRIANÇAS; CEGUEIRA; FLEXIBILIDADE; AEROFOTOGRAMETRIA
  • Keywords: Articular goniometry; Baixa visão; Blindness; Child; Flexibilidade goniometria; Fotogrametria; Low vision; Photogrammetry; Posture; Range of motion
  • Language: Português
  • Abstract: As crianças com deficiência visual são privadas dos estímulos provenientes da visão, os quais fornecem experiências importantes no seu desenvolvimento motor e que resultam no desenvolvimento estrutural do corpo. Alguns estudos sugerem que a falta destes estímulos resultam em alterações na postura e mobilidade. No entanto, apesar de descritos na literatura ainda não é possível definir a postura e avaliar a mobilidade articular na população de crianças com problemas oculares, visto que as mensurações têm sido realizadas com objetivo apenas de detectar as alterações. Fato que compromete a reprodutibilidade e a repetibilidade dos métodos e impossibilita possíveis comparações entre os dados. Deste modo, é de grande necessidade a verificação das consequências da falta ou déficit da visão na postura, mobilidade, flexibilidade e impressão plantar na tentativa de intervir precocemente e reduzir ou abrandar possíveis alterações posturais e consequentemente evitar que estas alterações perdurem ou se agravem na vida adulta. Assim, o objetivo geral deste estudo foi comparar a postura, mobilidade, flexibilidade e impressão plantar de crianças com deficiência visual com crianças sem deficiência visual. Foram estudadas 74 crianças de ambos os sexos na faixa etária de 5 a 12 anos. Destas 34 apresentavam deficiência visual (GDV) e 40 eram crianças controle (GC). Fotos digitais da posição ortostática foram utilizadas para analisar a postura. As variáveis posturais inclinação da cabeça, postura do ombro, postura da escápula, desvio lateral da coluna, postura do joelho, postura do tornozelo no plano frontal e postura da cabeça, postura do ombro, ângulo da cifose torácica, ângulo da lordose lombar, postura da pelve, postura do joelho no plano sagital foram mensurados com auxílio do software SAPO* v. 0.63® e de marcadores previamente colocados em referências óssea. A goniometria do ombro e quadril foi realizada deforma ativa e passiva. O teste do 3º dedo ao solo foi utilizado para mensurar a flexibilidade e o Índice Chippaux Smirak foi utilizado para avaliar a impressão plantar. Os principais resultados deste estudo mostraram que as crianças com deficiência visual apresentam maior inclinação da cabeça (p< 0,001), inclinação no ombro (p=0,004), desvio lateral da coluna (p< 0,001), alterações na postura da escápula (p=0,012), maior cifose torácica (p=0,004) e menor lordose lombar (p<0,001). Além de maior amplitude articular de rotação medial de ombro ativo (p=0,001) e passivo (p=0,001), maior amplitude articular de rotação lateral (p<0,001) e medial (p=0,005) de quadril de forma passiva. Os grupos não apresentaram diferenças na flexibilidade (p=0,945) e impressão plantar (p= 0,446). Conclui-se que a falta ou déficit visual influencia a mobilidade e a postura, visto que crianças com deficiência visual apresentam maior inclinação da cabeça, maior desnivelamento dos ombros, maior desvio lateral da coluna, hipercifose torácica, menor lordose lombar e joelhos mais valgos, além de maior mobilidade de rotação medial ativa e passiva de ombros e rotação medial e lateral passiva de quadris. No entanto, a condição criança deficiente visual não altera a flexibilidade e o arco longitudinal medial
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 12.12.2011
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FM10700102236W4.DB8 SP.USP FM-1 P14av 2011
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      PÁDUA, Michelle de; JOÃO, Silvia Maria Amado. Avaliação postural de crianças com deficiência visual. 2011.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2011. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5163/tde-27012012-104543/ >.
    • APA

      Pádua, M. de, & João, S. M. A. (2011). Avaliação postural de crianças com deficiência visual. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5163/tde-27012012-104543/
    • NLM

      Pádua M de, João SMA. Avaliação postural de crianças com deficiência visual [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5163/tde-27012012-104543/
    • Vancouver

      Pádua M de, João SMA. Avaliação postural de crianças com deficiência visual [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5163/tde-27012012-104543/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: